23.9 C
Vitória
segunda-feira, 27 setembro 2021

Ide e pregai: O evangelho através da juventude

No dia Nacional da juventude, uma reflexão para que os jovens cumpram o ide de Jesus. O pesquisador cristão Jim Denison diz que a conduta dos jovens serve de exemplo para os que não conhecem a Cristo

Nesta quarta-feira (12) é comemorado o Dia Nacional da Juventude, parcela da população com idade entre 15 e 29 anos e que representa cerca de 51 milhões de brasileiros, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Um momento propício para falar do evangelismo desenvolvido por jovens.

Uma das ordenanças de Deus é que os crentes em Jesus devem ser exemplo para os que não professam a fé cristã. “O comando ‘defina os crentes como exemplo’, está no imperativo e no tempo presente. Deus chama os jovens a viver de tal maneira que outros possam seguir seu exemplo”, explicou o pesquisador cristão, Jim Denison.

Jim incentiva jovens a pregar o Evangelho fora dos templos evangélicos. “Se os jovens não pudessem dar esse exemplo, Deus não pediria esse compromisso a eles. Ao longo da história, os jovens demonstraram que podem mudar o mundo”, explicou.

Para ele, os jovens podem causar grandes transformações. “Um estudante universitário chamado Samuel Mills iniciou uma reunião de oração que começou a promover missões internacionais. Depois de se formar, montou  a primeira organização de envio de missão nos Estados Unidos. Ele então ajudou a fundar a Sociedade Bíblica Americana e outras organizações de envio a missões. Ele foi chamado de ‘pai do trabalho missionário estrangeiro’, na América cristã”.

Desafio da igreja com a juventude

Igreja tem um desafio com a juventude. Mas o primeiro passo para o crescimento espiritual é a santificação.

“Precisamos nos livrar de toda a coisa má e correr sempre apara a Palavra de Deus, que é a verdade e é Cristo. A fé vem pela Bíblia. É preciso falar a verdade sem adaptações. Precisamos de um avivamento legítimo no meio da mocidade e da igreja. Não adianta dar um bom testemunho público se esse jovem está dando mal testemunho na faculdade”, explica o pastor Marcos Alcântara, da Assembleia de Deus Madureira Catedral Baleia, de Brasília (DF).

O líder espiritual ainda adverte que o único caminho é se firmar nas Escrituras Sagradas. “Precisamos de um ensino fundamentado na palavra pura. Ela liberta, conserta, ressuscita, exercita a inteligência sobrenatural no jovem, limpa de modismos de estratégias que não vem de Deus. Então teremos todos limpos diante de Deus e assim seremos luz do mundo”.

Jim Denison

É um apologista cultural, que constrói pontes entre fé e cultura em suas pesquisas, envolvendo questões contemporâneas com a verdade bíblica. Ele fundou o Fórum Denison sobre a Verdade e a Cultura em fevereiro de 2009 e é autor de sete livros, incluindo “O Islã Radical: o que você precisa saber”.

Com informações de Christiann Post 

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se