27.6 C
Vitória
quinta-feira, 25 fevereiro 2021

Documentário expõe o horror dos campos de concentração

Inédito no Brasil, “Gulag, a história dos campos de concentração soviéticos” estreou recentemente no Curta!On, o streaming do canal Curta

Com imagens históricas e depoimentos de ex-prisioneiros ao longo de três décadas fazem parte de um documentário francês, inédito no Brasil. “Gulag – A História dos Campos de Concentração Soviéticos” conta a história de horror por trás dos campos de concentração dentro da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS).

Dividido em dois episódios, filme conta a história dos campos que aprisionavam e puniam quem fosse considerado ameaça à ditadura vigente, sobretudo após a ascensão de Josef Stalin ao comando do Partido Comunista.

Segundo o documentário, criado em 2019 e que estreou recentemente no Curta!On (serviço de streaming do canal Curta!, disponível no Now), um em cada seis adultos soviéticos foi levado a um gulag, como eram chamados os campos de concentração na URSS.

Dentre os prisioneiros, estavam incluídos os membros de uma facção revolucionária rival ao grupo que assumiu o poder do país, religiosos e até outros socialistas revolucionários que, por algum motivo, discordassem da liderança do Partido Comunista.

Gulag

Logo, o gulag se tornou uma verdadeira “indústria penitenciária”, e a mão de obra proveniente desses campos de concentração tornou-se elemento fundamental da economia soviética.

Durante a Segunda Guerra Mundial, conforme a União Soviética avançava com a chamada Cortina de Ferro, após a conquista de territórios antes dominados pelos nazistas, os gulags e as cidades que circundavam os campos — muitos deles na Sibéria — também ampliavam sua capacidade, recebendo cada vez mais pessoas de nacionalidades diversas, além de prisioneiros de guerra, tratados com ainda mais violência. Ao mesmo tempo, muitos eram liberados dos gulags para integrar o Exército Vermelho, lutando contra os países do Eixo e pela expansão da União Soviética.

Mesmo após o fim da guerra, o gulag foi mantido, recebendo outras centenas de milhares de soviéticos repatriados. Apenas com a morte de Stalin, em 1953, foi concedida uma ampla anistia, e o gulag perdeu uma parte considerável de seus prisioneiros. Os presos políticos que ainda restaram, começaram a organizar-se em revoltas que, aos poucos, foram minando o sistema.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Irmão Lázaro está internado em estado grave com covid-19

Vereador de Salvador (BA), Irmão Lázaro foi deputado federal pela Bahia, por 4 anos e tem 36 anos de carreira na música gospel. Saiba mais!

Guardado em silêncio: o papel dos cristãos no holocausto

Espetáculo, que aborda papel dos cristãos no holocausto será apresentado 14 vezes, entre março e abril, no formato de teatro online interativo

Deive Leonardo grava primeira série do ano em Florianópolis

Com o tema "Alvorecer", a primeira série gravada de Deive Leonardo promete levar a esperança de um recomeço e de um novo dia. Evento acontece no próximo sábado, 27. Saiba mais!

Itália: Deslizamento em cemitério lança 200 caixões ao mar

Causa do acidente está relacionada à erosão da falésia, que acabou sendo intensificada pelas tempestades que atingem a Itália. Saiba mais!

Igreja de Volta Redonda (RJ) é interditada pela justiça

Igreja Assembleia de Deus, do bairro Laranjal, teve multa de R$ 50 mil fixada. Decisão foi tomada após solicitação do Ministério Público. Saiba mais!

Luiz Sayão, vítima de intolerância: “nunca imaginei”

A Wikipédia censurou o diretor da Faculdade Batista de São Paulo, o pastor e hebraísta Luiz Sayão, supostamente por não evidenciar “notoriedade” e “relevância”. Saiba mais!

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Voluntariado no exterior para jovens universitários; Saiba mais!

Organização IYF abre inscrições de voluntariado no exterior para jovens universitários A Organização International Youth Fellowship- IYF(comunhão internacional de jovens), é uma organização com base...

Franklin Graham no Brasil para o “Esperança Rio 2021”

Lançamento do "Esperança Rio 2021" será em Maio e em dezembro a ação evangelística, que terá participação do evangelista Franklin Graham. Saiba mais!

Deive Leonardo ministra em São Paulo fim de semana

O evangelista Deive Leonardo retorna com suas apresentações na capital Paulista nesta sexta-feira, 19 e neste sábado, em Barueri (SP). Saiba mais!

Começou a 23ª edição da Consciência Cristã; Saiba mais!

Consciência Cristã inicia hoje e reúne evangélicos para debater educação, fé, ciência e justiça social. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

Deive Leonardo grava primeira série do ano em Florianópolis

Com o tema "Alvorecer", a primeira série gravada de Deive Leonardo promete levar a esperança de um recomeço e de um novo dia. Evento acontece no próximo sábado, 27. Saiba mais!

Cantora Amanda Wanessa sai da UTI

Pelas redes sociais, o marido da cantora, Dobson Santos contou que Amanda Wanessa foi transferida para o quarto: “o milagre está cada vez mais perto”, declarou. Saiba mais!

Deive Leonardo vai se apresentar em Brasília e Goiânia

O evangelista se apresenta na próxima terça-feira, 16, em Brasília e em Goiânia, prometendo trazer importantes reflexões para o público. Saiba mais!

André Valadão: Humor para explicar temas polêmicos da Bíblia

Conhecido por sua forma extrovertida de ministrar, o cantor e pastor André Valadão tem usado sua conta no instagram para tirar dúvidas de internautas sobre temas polêmicos