Sábado, 16 de Novembro de 2019 – Não desista, não olhe para trás!

Nossa língua tranquilamente aceita a troca do doce pelo amargo, de palavras puras por impuras. É fácil sair dela tanto o elogio quanto a difamação e a calúnia. Deus nos diz para não amaldiçoarmos as pessoas criadas a Sua semelhança. É evidente que fazer essas coisas não está certo! Por isso a língua precisa de freio. Da boca de um cristão não podem jorrar águas doce e amarga ao mesmo tempo!

Leia hoje:
Tiago 3–5

Versículo do dia:
“Com a língua bendizemos o Senhor e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens, feitos à semelhança de Deus. Da mesma boca procedem bênção e maldição. Meus irmãos, não pode ser assim!” – Tg 3.9-10

Lição do dia:
“Da boca de um cristão não podem sair bênção e maldição.”

Oração:
Peça perdão a Deus pelas palavras pronunciadas fora de ocasião.