28.9 C
Vitória
domingo, 28 novembro 2021

Corrente do bem: Levando oxigênio para quem precisa

Voluntários da Corrente do bem em Manaus! Grupo de amigos se juntou para dar apoio às pessoas que não conseguem internação e estão sendo tratadas em casa

Por Keila Lopes

O grupo começou com sete amigas que se uniram para comprar máscaras e aventais cirúrgicos. A ideia era arrecadar cerca de R$ 400, para adquirir os materiais e doar aos profissionais de uma unidade de saúde de Manaus, mas a iniciativa foi tão intensa que hoje são mais de 50 voluntários envolvidos para dar apoio às pessoas contaminadas pelo coronavírus. Eles são a Corrente do bem!

O principal objetivo dos voluntários, neste momento, é captar recursos para compra de concentradores de ar, um equipamento que capta o ar do ambiente e armazena o oxigênio para quem precisa suplementar, em casos de dificuldade para respirar que é um dos principais sintomas da Covid-19.

A ideia é reduzir a demanda de recarga de cilindros que precisam ser reabastecidos a cada dois dias de uso. O processo demora até 24 horas e custa cerca de R$ 600, sem contar que a logística é trabalhosa devido à estrutura do equipamento.

Levando ar para quem precisa

Em atividade há cerca de duas semanas a equipe tem trabalhado para fornecer cilindros de oxigênio, máscaras, medicamentos, atendimento médico e psicológico as famílias que não conseguiram internar os doentes, devido à sobrecarga no sistema de saúde do Amazonas.

“O grupo cresceu de uma forma que nós não conseguimos entender como, mas acredito ser uma obra divina, e com isso, já conseguimos atender quase 100 pessoas”, disse a Master Coach e Voluntária do Corrente do Bem, Anna Rodat.

A empresária Leliane Picanço foi quem teve a iniciativa de convocar as amigas para a ação. Ela conta que a demanda foi crescendo, assim como a necessidade do povo de Manaus. “Hoje, a nossa equipe se prepara para atender outras seis pessoas e não sabemos se teremos recursos, mas em nome de Jesus, vamos conseguir e quanto mais doadores tiver, mais vamos conseguir ajudar”, disse a voluntária.

Situação em Manaus

Manaus convive com a segunda onda da Covid-19, desde o início deste ano. No último dia 15, a explosão da falta de cilindros de oxigênio levou os hospitais, que continuam superlotados ao caos.

Desde o inicio da pandemia, Manaus já registrou 254.460 casos confirmados de Covi-16, sendo 7.424 óbitos, 74 na última segunda-feira.

Como doar

Conta para contribuição Corrente do Bem SOS
Instituto Levando Boa Esperança
Banco do Brasil
Agência: 4302-8
Conta Corrente: 25684 – 6
CNPJ: 31.881.453/0001-06

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se