24.9 C
Vitória
sábado, 20 abril 2024

CBG convoca seleção de ginástica artística para o Mundial

CBG convoca seleção de ginástica artística para o Mundial com Rebeca, Nory e Zanetti - Foto: Gaspar Nóbrega/COB
CBG convoca seleção de ginástica artística para o Mundial com Rebeca, Nory e Zanetti - Foto: Gaspar Nóbrega/COB

De acordo com o diretor esportivo da CBG, a montagem das listas de convocação foi fruto de um meticuloso processo de observação dos atletas

O Brasil terá uma seleção de respeito no Campeonato Mundial de Ginástica Artística da Antuérpia, na Bélgica, que começa no dia 30 de setembro e vale vaga para os Jogos de Paris-2024. A Confederação Brasileira de Ginástica anunciou nesta quarta-feira a convocação dos 12 atletas que representarão o País, com os medalhistas olímpicos Rebeca Andrade, Arthur Zanetti e Arthur Nori.

A experiente Jade Barbosa e a prodígio Flávia Saraiva reforçam o time feminino, que ainda terá Carolyne Pedro, Júlia Soares e Lorrane Oliveira. Na renovada esquadra masculina, completam a equipe Diogo Soares, Patrick Sampaio, Tomás Rodrigues e Yuri Guimarães.

De acordo com Henrique Motta, diretor esportivo da CBG, a montagem das listas de convocação foi fruto de um árduo e meticuloso processo de observação e acompanhamento dos atletas. Tudo para deixar o País entre as nove melhores equipes que se garantirão para Paris-2024.

“Como de costume, as coordenações técnicas da seleção de Ginástica Artística realizaram um processo constante e transdisciplinar de avaliações para a definição das equipes brasileiras para o Campeonato Mundial deste ano. Estamos confiantes e preparados para mais esse grande evento do ciclo olímpico, objetivando a classificação por equipes para os Jogos de Paris-2024”, disse.

- Continua após a publicidade -

A competição vale vaga no individual e também por equipes à Olimpíada e esse é o objetivo da seleção brasileira na principal competição de ginástica da temporada. “Participamos de vários eventos internacionais e realizamos diversas competições, estágios de treinamento e controles técnicos, todos em formatos por equipes, individuais e por aparelhos. Assim, oportunizamos a participação de ginastas em diferentes ações, fator primordial na preparação deste ano, que visa a classificação por equipes para os Jogos Olímpicos de Paris 2024”, enfatizou Motta.

“Essa é uma equipe experiente, acostumada a competições importantes. Toda a comissão técnica acredita no seu potencial para a classificação”, endossou Francisco Porath Neto, coordenador da seleção brasileira de Ginástica Artística Feminina, destacando a grande bagagem acumulada pelas ginastas convocadas em competições de peso.

A confiança também é grande no reformulado time masculino. “Nós avaliamos os atletas constantemente, tivemos a oportunidade de observá-los em várias competições internacionais e depois do Campeonato Brasileiro, realizamos mais um estágio de treinamento, ao longo do qual pudemos acompanhar todos. Fizemos várias avaliações e chegamos à lista de convocados que acreditamos ser a mais apta possível para representar o País no mais alto nível, mirando a classificação olímpica”, disse Hilton Dichelli Junior, coordenador da seleção masculina.

“Todos tiveram oportunidade. Chegamos à conclusão de que a melhor equipe para defender o Brasil é esta que foi convocada. Agradecemos a todos que participaram do processo e temos a certeza de que esse nível de competitividade interna pelas vagas vai fazer crescer ainda mais a ginástica artística do País”. Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -