24.2 C
Vitória
quinta-feira, 21 janeiro 2021

Campeão do Mundo, Paulo Sérgio fala dos Atletas de Cristo

Jogador de futebol e campeão do mundo, Paulo Sérgio Silvestre deixou o campo do esporte para atuar no campo missionário.

A bola da vez é a Bíblia e os gols do evangelho já balançaram a rede de mais de 60 países. Ele agora faz parte de um movimento interdenominacional de atletas convertidos, que se dedicam a anunciar o Evangelho por meio do esporte.

Aos 42 anos, Paulo Sérgio soma diversas experiências e vitórias, retratada na vasta coleção de medalhas e taças conquistadas no futebol. Ele começou a carreira em 1983, jogando futebol pelo Corínthians, e hoje é gestor esportivo, mora na Alemanha e desenvolve seu trabalho missionário na direção do Ministério Atletas de Cristo.

Paulo Sérgio foi por três vezes campeão no Corinthians paulista; foi emprestado ao Novorizontino, de onde saiu como vice-campeão paulista; na Seleção Brasileira, foi campeão do mundo em 1994. Jogando fora do Brasil, também arrematou diversas conquistas, como na Alemanha, onde brilhou pelo Bayer Leverkusen e Bayern de Munique. Jogou também na Itália. Depois de tanto tempo no futebol, ele recebeu o chamado para testemunhar de Cristo no mundo esportivo. Entrou para a Organização Atletas de Cristo, fundada em 1980, época em que os esportistas lutavam contra toda espécie de preconceito.

O hoje pastor Paulo Sérgio conta que a prática do esporte, especialmente profissional, era vista como “pecado” por muitos membros e líderes de igrejas cristãs. Um dos fundadores da entidade tinha de jogar bola às escondidas para driblar a disciplina familiar e o preconceito. Mais tarde, a imprensa o apelidou de “Artilheiro de Deus”(Baltazar), e ele teve a oportunidade de levar muitos a Cristo por meio do esporte. Nesta entrevista exclusiva à Comunhão, o pastor-atleta fala sobre as oportunidades de ganhar vidas para Jesus por meio dos testemunhos do Ministério Atletas de Cristo.

Comunhão: O que é Atletas de Cristo?
Paulo Sérgio: A Associação Atletas de Cristo (ADC) é um movimento integrado por atletas de várias denominações que existe para anunciar o evangelho por meio do esporte. É uma associação sem fins lucrativos, que sobrevive por meio de doações, realização de eventos esportivos e venda de produtos com a marca Atletas de Cristo.

Esse nome tem base no texto em que o apóstolo Paulo se apresenta como “atleta de Cristo?” O tipo de ministério a que ele se referia tem alguma semelhança com o de vocês?
Na verdade, o nome Atletas de Cristo partiu de uma participante do início do ministério, hoje esposa do João Leite, a Eliane Leite. Juntaram o fato de ser uma iniciativa de atletas e de pertencerem a Cristo e formaram o nome: Atletas de Cristo. Sem dúvida alguma, o ministério ao qual Paulo se referia tem muito a ver com nossa razão de existir – a primeira delas, é claro, está ligada ao objetivo de pregar o evangelho de Cristo e nesta oportunidade, fazendo-o através do esporte.Paulo se utilizou muito dos Jogos Ístmicos – referência ao Istmo, o quarto maior evento esportivo da época, que era disputado a 13 km de Corinto. Aproveitava para fazer tendas e levantar recursos com isto e, ao mesmo tempo, evangelizar em meio ao ambiente esportivo. Paulo também aproveitou a linguagem que o povo entendia e escreveu de uma forma que pudessem compreender (carta aos Coríntios), usando referências esportivas. É o que acreditamos: levar a palavra de Deus, usar a linguagem esportiva, o ambiente esportivo, alcançar atletas para que estes alcancem o mundo com sua influência.

O esporte é uma ferramenta missionária? Por quê?
É uma poderosa ferramenta missionária, sem dúvida alguma. Hoje, existem três linguagens que são universais: a música, a arte e o esporte, sendo que o esporte tem um grau de aceitação muito maior do que os outros dois. Nós já levamos equipes de futebol-missionário a mais de 10 países, muitos deles fechados ao evangelho, porém abertos a brasileiros e ao futebol.  Já chegamos com o futebol-missionário em países como Mianmar, Malásia, Vietnã, Tailândia, Quênia, Uganda, Burundi, Madagascar e África do Sul. O mundo é aberto ao esporte, seja onde for, língua, raça, tribo ou nação, e isso abre um grande precedente à propagação do evangelho da salvação.

Os atletas enfrentam algum tipo de preconceito? Como vocês driblam isso?
Hoje nem tanto, porém no passado o preconceito era muito grande. Quando nossos fundadores deram o pontapé inicial foi muito difícil, a própria igreja não acreditava no esporte como uma ferramenta de evangelização, aliás não acreditava sequer que a prática esportiva era algo para “crente”. Na atualidade, existem mais gozações do que o preconceito propriamente dito. Apesar dos tempos difíceis, nomes como João Leite, Baltazar e Alex Dias Ribeiro deram uma base sólida para a arrancada inicial do ministério Sem dúvida, estes foram os responsáveis por toda estrutura e alcance do ministério. Colocaram a “cara pra bater”, insistiram, persistiram e hoje podemos celebrar pelas vidas alcançadas. Atualmente, graças ao empenho de vários atletas e seus testemunhos de vida cristã, o esporte já não é mais um tabu para a maioria dos cristãos. Além disso, a maioria das igrejas passou a aceitar que um cristão pode ser também um atleta.

É possível mensurar os frutos do Atletas de Cristo?
Podemos começar pelos nossos próprios fundadores, João leite, Baltazar, Alex Dias Ribeiro, a quem posteriormente se juntaram Jorginho, Silas, Paulo Sérgio e muitos outros. Muitos atletas, de muitas modalidades esportivas, muitas idades e muitos lugares, foram alcançados pela linguagem universal do esporte e, consequentemente, por Atletas de Cristo.

Como se tornar um Atleta de Cristo? Como atuar neste ministério?
Hoje a associação é feita de forma bem simples: basta entrar no site e se cadastrar. Após o cadastro, sugerimos que participe em um de nossos Grupos Locais espalhados pelo Brasil e comece e interagir conosco. Aderindo à nossa visão, o atleta ou participante passa a ter a responsabilidade de dar um bom testemunho, a ponto de impactar a outro através da linguagem esportiva e do ambiente propício.

A MATÉRIA ACIMA É UMA REPUBLICAÇÃO DA REVISTA COMUNHÃO. FATOS, COMENTÁRIOS E OPINIÕES CONTIDOS NO TEXTO SE REFEREM À ÉPOCA EM QUE A MATÉRIA FOI ESCRITA.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Mortalidade de cristãos aumenta em 60% em 2020

Número de cristãos mortos no mundo aumenta no último ano. Entenda a perseguição violenta enfrentada por cristãos em todo o mundo. Saiba mais!

“É bom estar à frente de uma nação onde mais de 90% é cristã”

Durante o evento de comemoração dos 160 anos da Caixa Econômica Federal, Bolsonaro disse que pede a Deus "que ilumine prefeitos e governadores para que não fechem tudo". Saiba mais!

Cinco cristãos são mortos por grupo extremista na Nigéria

Eles foram executados após serem sequestrados na véspera de Natal. Saiba mais!

Ataques contra cristãos se intensificam em Moçambique

O governo vai permitir investigação às violações de direitos humanos. Os cristãos são o principal alvo de ataques de grupos jihadistas em Moçambique. Saiba mais!

Esperança: Mais norte-coreanos em contato com a Bíblia

No país perseguido ao evangelho do mundo, o número de norte-coreanos expostos à Bíblia cresce anualmente, apesar da perseguição. Saiba mais!

Casamento: o mundo quer tirar o seu valor?

O casamento, nos dias de hoje, ainda tem valor? É uma instituição frágil? Vale a pena se casar? O que Deus, o criador do casamento, deixou registrado na Bíblia a esse respeito?

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Encontro para a Consciência Cristã em fevereiro; Saiba mais!

Pela primeira vez em mais de duas décadas, o tradicional encontro para a Consciência Cristã será realizado online.

The Send online será neste sábado, 9

Um dos maiores eventos de louvor, adoração evangelismo no mundo, o The send, costuma reunir milhares de pessoas. Saiba mais!

Passion Conference no último dia do ano; Saiba mais!

O cantor Fernandinho é o único artista brasileiro a participar da Passion Conference. Saiba mais!

Aulas criativas e transformadoras sobre a Bíblia

Para quem ensina a Bíblia, mas tem dificuldade no preparo das aulas, um workshop gratuito será apresentado pelo pastor Lécio Dornas, em janeiro. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

Fé na caminhada cristã! Fernandinho batiza os filhos

Ao lado do pastor Rodrigo Oliver, Fernandinho batizou seus filhos neste domingo, 17 e escreveu no instagram: "Um dos melhores dias das nossas vidas", escreveu o artista.

Vietnã ganha a primeira Biblioteca pública cristã

Vietnã ocupa a 19 colocação na Lista Mundial da Perseguição de 2021, da Portas Abertas. Saiba mais!

“A Deus seja a glória”, Nani Azevedo sai do hospital

Internado há vários dias por complicações de covid-19, o cantor Nani Azevedo recebeu alta hospitalar nesta sexta-feira, 15.

“Abandono” é o novo single da Banda Catedral

Canção inédita é uma crítica social