24 C
Vitória
quinta-feira, 22 abril 2021

Nívea Soares: a tradução do amor em música

A trajetória de compromisso, dedicação e amor pela Palavra de Deus através da música, de Nívea Soares, que chega a seus 20 anos de ministério pelo Brasil

Por Priscilla Cerqueira 

No íntimo da alma as palavras ecoam para ficar. Na mais profunda adoração, numa voz suave, a melodia que fala do amor de Deus. Desde 2003, Nívea Soares é a voz que tem impactado o Brasil e, junto com o esposo, o produtor musical Gustavo Soares, viaja pelo mundo, ministrando e pregando o evangelho.

Mineira de Belo Horizonte, Nívea é a filha caçula de uma família de quatro irmãos. Nascida e criada em lar cristão, ela conta que, depois da conversão, o batismo foi um marco em sua vida. “A partir daí, muitas coisas começaram a mudar. Deus começou a tratar com minhas motivações e a plantar em meu coração o desejo de servi-lo e tem sido uma longa caminhada”, conta.

Aos 44 anos, Nívea é considerada um ícone na música gospel no Brasil. Sua paixão pela arte começou na infância. “Sempre cantei desde pequenininha. Participei de um grupo com as minhas irmãs, onde aprendi a dividir vozes”, revela a cantora.

A música sempre foi um sonho em sua vida, mas tinha alma ferida por conta do preconceito racial que sofreu na infância.

“Fui muito atacada pela questão do racismo, da auto-aceitação. Eu me detestava e a música para mim era uma forma de compensação, tanto que ganhei alguns festivais na escola. As coisas começaram a mudar a partir da revelação do amor de Deus em mim. Abri mão dos meus anseios e o senhor começou a me reposicionar naquilo que ele tinha para mim, me fazendo sonhar com o que é eterno”, explica.

“No decorrer desses anos, Deus tem nos sustentado em tudo, sem precisar requerer das pessoas aquilo que elas não podem dar”

Diante do trono

Por traz de um grande aluno existe um grande mestre. No caso da Nívea, o professor foi o ministério Diante do Trono, onde ela foi backing vocal por algum tempo. Foi onde tudo aconteceu e a trajetória da cantora começou a fluir, ganhar projeção. Foram aprendizados, ensinamentos, musicais e espirituais. Uma verdadeira escola de adoração!

“O Diante do Trono foi uma grande escola para mim, em termos de ética e espiritualidade, um tempo onde fui forjada e moldada no caráter. O ministério foi um canal para que eu amadurecesse e houvesse um alicerce firme e um entendimento para qual eu fui chamada”, explicou.

Além do conhecimento musical e crescimento espiritual, Nívea também ganhou amizades. “Sou eternamente grata pelas amizades que ganhei e alianças que fiz, elas são para a vida toda”, destacou.

A hora de voar

Nívea só precisava de um incentivo para seguir carreira solo. E tudo fluiu naturalmente, afinal, Deus tem um processo de trabalhar na vida de cada um. E foi a partir de um encontro com Ana Paula Valadão e com a pastora Ezenete Rodrigues que tudo mudou em sua vida.

“Minha intenção era conciliar a minha agenda com a do Diante do Trono. Mas o senhor tinha outros planos. Fui exortada para sair do ninho, expandir e crescer, cuidar do meu ministério. Quando as coisas são feitas no tempo de Deus elas vêm de uma forma suave, pois a bênção do senhor enriquece e não acrescenta dores”, contou.

Lá se vão mais de 20 anos de carreira, com mais de 60 composições e oito álbuns lançadas no mercado evangélico, com canções congregacionais e mensagens que exaltam o nome de Jesus. E dentre a de maior impacto na vida da artista é a “Me Esvaziar”. “É uma canção que me impacta até hoje, pois continuo me desafiando, sendo minha oração desde o início”, disse.

Nívea trabalha integralmente como ministra de louvor. Um privilégio para poucos. “No decorrer desses anos, Deus tem nos sustentado em tudo, sem precisar requerer das pessoas aquilo que elas não podem dar. É o senhor que estabelece, remove e nos coloca aonde ele quer, abre portas e ninguém fecha, então, antes de mais nada, temos que nos sujeitar à Deus e confiar n’Ele, que é a nossa provisão e nos leva onde precisamos
estar”, declarou.

Vida no altar

Uma vida de obediência, pautada na palavra de Deus! É assim que a cantora vive e isso é demonstrado em suas ministrações. “Procuro reconhecer a presença de Deus em todas as ocasiões. Nossa vida não é segmentada, Jesus está presente em todo tempo, através do espírito santo”. Suas mensagens de impacto são fruto de algo que vem de Deus.

“A bíblia me desafia a olhar para a santidade de Deus, mudar o que está errado em mim e servir ao meu próximo. Tenho vivido isso e experimentado um amor muito grande pela palavra. A igreja precisa deixar de lado as distrações do mundo, se voltar para os fundamentos da bíblia e verdadeiramente se encher do espírito santo”, afirma.

E assim também nascem suas composições. “Elas surgem de alguma revelação bíblica, de algo que toca meu coração, de momentos com Deus, às vezes em lugares inusitados também, pois o espírito santo está em todo lugar conosco, habita em nós, em qualquer lugar é lugar”.

Entendendo que a música é um veículo para que a esperança seja reativada no coração das pessaos, para Nívea essa é uma arte que não pode parar. A cantora acabou de lançar a canção “Primeiro Amor”, e para esse ano, a intenção é gravar um novo álbum. “Tem algumas canções chegando e ainda estamos trabalhando nelas. Mas quero que essas novas músicas inspirem pessoas a olhar para Jesus e a buscar d’Ele, que é a fonte”, concluiu.


“Aclame ao Senhor”

De composição de Darlene Zchech, foi lançada em 1998, é uma das canções de maior sucesso da artista. Confira!

Meu Jesus, Salvador
Outro igual não há
Todos os dias
quero louvar
As maravilhas de
Teu amor

Consolo, abrigo
Força e refúgio é o Senhor
Com todo o meu ser
Com tudo o que sou
Sempre Te adorarei
Aclame ao Senhor toda
a Terra e cantemos
Poder, majestade e louvores ao Rei
Montanhas se prostrem
e rujam os mares
Ao som de Teu nome
Alegre te louvo por
Teus grandes feitos
Firmado estarei,
sempre Te amarei
Incomparáveis são Tuas promessas pra mim

Confira “Primeiro amor”, último lançamento da cantora

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se