back to top
27.7 C
Vitória
terça-feira, 21 maio 2024

É possível viver casado e ser feliz?

Foto: Reprodução

“É possível e necessário, sendo, justamente, o ideal divino” para a vida a dois, assegura pastor 

Por Patricia Scott

O casamento é uma aliança eterna estabelecida pelo Senhor. Então, não importa o tempo da vida conjugal, os princípios bíblicos para o matrimônio permanecem os mesmos. Eles não ficam obsoletos nem ultrapassados.

No entanto, muitos perguntam: “É possível viver casado e ser feliz?” O pastor presbiteriano Hernandes Dias Lopes responde: “É possível e necessário, sendo, justamente, o ideal divino”.

No entanto, para isso, o líder religioso assegura ser necessário compreender que não existe pessoa perfeita nem casamento. Isto porque todos têm defeitos. Entretanto, ele diz que quem “ama não destaca os defeitos, mas enaltece as virtudes”.

- Continua após a publicidade -

Por isso, o pastor destaca a importância do elogio no casamento, conforme recomendação da Palavra de Deus (Cântico dos Cânticos 4.1-7). “Há quanto você não elogia seu cônjuge?”, pergunta, esclarecendo que a falta de elogio gera insegurança e instabilidade emocional. Entretanto, o elogio produz valorização, respeito, reconhecimento, além de impulsionar o outro.

Outro ponto destacado pelo pastor é o romantismo. Ele lembra que o homem é objetivo, enquanto a mulher é detalhista. Então, é preciso que um observe as características do outro. “Saia da rotina. Casamento não precisa ser pesado”, diz Hernandes, orientando os casais a viabilizarem momentos a dois.

Ele também enfatiza a importância da comunicação. O casal precisa manter um diálogo saudável, sabendo ouvir e falar, conforme Tiago 1.19: “Meus amados irmãos, tenham isto em mente: Sejam todos prontos para ouvir, tardios para falar e tardios para irar-se”. Desse modo, Hernandes argumenta: “Se você não escutar, outras pessoas escutarão e podem não falar as palavras mais sábias”.

Nesse sentido, Hernandes aconselha o cuidado com as palavras, porque uma vez proferidas, não voltam. Elas são como fechas (Provérbios 25.18). “Seja cauteloso ao expressar suas ideias. Não aja apressadamente. Seja conduzido pelo Espírito Santo”, pontua, citando Efésios 4.26: “Irai-vos e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira”. Para isso, ele diz, o segredo está em perdoar.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -