Grupo usa a música como instrumento de evangelização

"Amigos Cantantes" durante ensaio em Colatina-ES

A música governa o mundo e torna os homens ainda melhores. E se o amor pode transformar como dizem por aí, que seja pela música. Esse é o lema de um grupo de jovens cristãos, no interior do Espírito Santo, em Colatina, que resolveu se unir para levar solidariedade e amor a quem precisa.

O grupo, intitulado de “Amigos cantantes” é interdenominacional. Não pertence a nenhuma instituição religiosa. São cerca de 25 pessoas de várias igrejas evangélicas que se unem pela fé e pelo amor em Cristo em prol de fazer o bem através da música. E são todos voluntários. “ Nós  só queremos levar alegria a quem precisa e consolo aos aflitos de coração, pois acreditamos que o amor cura e a música também” , declarou Àquila Barbosa, idealizadora do projeto.

Pelo menos uma vez por semana os integrantes do grupo se encontram para momentos de oração, partilha da palavra e música, claro. E tem uma proposta inovadora e diferente. Os ensaios são ao ar livre, geralmente em praças públicas.

A maioria dos integrantes não tem experiência e nem vivência com canto coral e grupo vocal, mas tem vontade de semear o amor.  Aí, os mais tímidos se soltam, interagem e aprendem com quem entende um pouquinho. Um ajuda o outro. E no final, todos são impactados. “É uma experiência desafiadora pra mim, que não tinha costume de cantar. Mas o mais importante é o aprendizado para a minha vida. A maior beneficiada sou eu mesmo por que vejo as pessoas com um olhar mais de amor e altruísta”, declarou Eunice Saibert, uma das participantes do projeto.

No repertório, músicas cristãs que falam de paz, união, amor, esperança e alegria, com apresentação em hospitais, asilos e orfanatos e até mesmo pelas ruas da cidade.

O “amigos cantantes” canta o amor e também leva o evangelho, cumprindo um mandamento de Jesus: o Ide. “Eu creio que através desse projeto Deus vai salvar e transformar muitas vidas. São pessoas que buscam ajuda mas não conseguem caminhar sozinhas, mas elas serão restauradas através de nossas vozes. O nosso propósito é levar Deus, amor e salvação para quem precisa”. disse Wania Rodrigues, colaboradora do projeto.

Início

O projeto foi criado há cerca de dois meses.  A idéia surgiu  de uma necessidade de levar alegria para pacientes de um hospital publico de Colatina. “Eu passei 28 dias no hospital e percebi uma enorme carência afetiva das pessoas. Muitas eram tristes e estavam debilitadas. Então pensei que pudesse fazer alguma coisa por elas. Foi então que conheci o projeto Cantareiros, no Rio de Janeiro, que trabalha com música em locais públicos. Comentei com uma amiga e ela resolveu abraçar a causa comigo. Aí pensamos que poderíamos usar nossa voz para acalmar o coração de quem precisa e ao mesmo tempo mostrar o Deus que nos ama e nos consola. Não levamos placa de religião. Nosso lema é cantar e alegrar e alma das pessoas”, contou Áquila.

Apesar de recente, o grupo já é um sucesso.  A agenda já está cheia para esse mês de outubro. São cinco apresentações agendadas em orfanatos, eventos, igreja e um hospital de Colatina.  “Estamos ansiosos para nossa estreia. Nossa expectativa é das melhores. Queremos ser reconhecidos como um grupo que leva bem estar, humanização e afeto as pessoas, além de aproveitarmos para evangelizar”, finalizou a coordenadora.

Contato

Para acompanhar o dia-a-dia do trabalho do “Amigos cantantes” e ficar por dentro das apresentações é só acompanhar as atividades do projeto nas redes sociais: facebook e instagram.

O contato para agendas é com a coordenadora do projeto, Áquila Barbosa (27) 99861-5280.

Aproveite as promoções especiais na Loja da Comunhão!