back to top
19.4 C
Vitória
domingo, 14 DE julho DE 2024

Klinsmann assume Coreia do Sul projetando semifinal da Copa

Klinsmann assume Coreia do Sul projetando semifinal da Copa e o título da Ásia - Foto: Reprodução Redes Sociais
Klinsmann assume Coreia do Sul projetando semifinal da Copa e o título da Ásia - Foto: Reprodução Redes Sociais

Klinsmann desembarcou em Seul às 5 da manhã de quarta-feira e tinha torcedor aguardando por sua chegada

Jurgen Klinsmann iniciou o trabalho para valer no comando da seleção sul-coreana nesta quinta-feira. O treinador alemão foi apresentado um dia após desembarcar no continente asiático e já chegou falando em grandes conquistas com a sua terceira seleção do currículo – treinou Alemanha e Estados Unidos.

Mesmo sem trabalhar nos últimos três anos, o comandante garantiu que está preparado para levar a Coreia do Sul ao menos até as semifinais na Copa do Mundo de 2026 e que a primeira missão será conquistar a Copa da Ásia, em janeiro de 2024, no Catar.

“Meu objetivo a curto prazo é vencer a Copa da Ásia”, disse o treinador, mostrando estar bastante ambientado na nova casa. “A Coreia avançou para as semifinais da Copa do Mundo de 2002. As metas devem ser sempre altas. Superar as quartas de final da Copa do Mundo serão o objetivo de médio e longo prazo da seleção nacional”, afirmou, sobre sua segunda meta em solo asiático.

Klinsmann desembarcou em Seul às 5 da manhã de quarta-feira e tinha torcedor aguardando por sua chegada. Ele agradeceu o apoio “Em primeiro lugar, quero agradecer a todos que me receberam. Fiquei grato por muitas pessoas me receberem, embora eu chegasse às 5 da manhã. Em particular, fiquei grato por muitas pessoas da Associação de Futebol da Coreia terem aparecido”, disse. “Estou muito animado por estar no comando da seleção coreana. Juntamente com a Associação de Futebol da Coreia, nos prepararemos para liderar a seleção nacional com sucesso por meio de objetivos claros.”

- Continua após a publicidade -

Goleador nato, o técnico alemão revelou que vai priorizar o sistema ofensivo nesta nova jornada da carreira. “Como sou um ex-atacante, prefiro o ataque. Por exemplo, prefiro uma vitória de 4 a 3 a 1 a 0. Como treinador, parece haver uma parte que tenho de adaptar aos jogadores”, enfatizou. “Pretendo observar e abordar os jogadores para ver quais habilidades eles têm. Porque o gestor o vê como um local de aprendizado, ele tenta trazer uma filosofia vencedora para a equipe observando qual é o melhor caminho.”

A Coreia do Sul não conquista a Copa da Ásia desde o bicampeonato de 1956/1960. Acabou com o longo jejum virou uma das obsessões na seleção e Klinsmann mostra-se focado na árdua missão.

“A Copa da Ásia está a cerca de 10 meses de distância. Vou tentar aprender rápido durante este período e estou confiante. Haverá uma parte de mim se adaptando ao futebol coreano e haverá um processo de adaptação do futebol coreano à minha filosofia. Vou me dar bem na Copa da Ásia no Catar”, apostou.

O treinador ainda garantiu que os três anos longe dos campos não serão problema. Como treinador, saiu do Hertha Berlin em fevereiro de 2020. Desde então, devido ao covid-19, passou muito tempo aprendendo. Estudou no Master of Business Administration, liderou o TSG na Fifa por um ano e meio, e foi comentarista na BBC e na ESPN. Apesar de não ter assumido a função de técnico, o alemão continuou trabalhando com futebol.

“A Coreia sempre mostrou competitividade no cenário internacional, e mostrou garra e espírito de luta nas partidas. A parte em que posso melhorar um pouco enquanto assisti a Copa do Mundo do Catar é a parte em que vou um passo adiante com fé e confiança. Acho que há algo em que posso ajudar nessa área: precisamos dar confiança um ao outro para ir além da fase de grupos e entrar forte na mata-mata da Copa do Mundo.”

Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -