back to top
27.9 C
Vitória
domingo, 23 junho 2024

Ciência: Congresso aprova crédito de R$ 4,1 bi para fundo

O fundo é uma importante fonte de financiamento da ciência brasileira e instrumento fundamental para o desenvolvimento - Foto: Freepik

O fundo é uma importante fonte de financiamento da ciência brasileira e instrumento fundamental para o desenvolvimento

O Congresso Nacional aprovou nesta quarta-feira, 26, a abertura de crédito suplementar no valor de R$ 4,182 bilhões para o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) fazer a recomposição integral do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT).

A recomposição do FNDCT, que passará a dispor de até R$ 9,6 bilhões, permite que o governo federal tenha mais recursos do fundo para aplicar em projetos da pasta. A proposta foi apresentada por meio do projeto de lei PLN 1/23, de autoria do Executivo, e relatada pela deputada Dilvanda Faro (PT-PA).

Aprovado pelos parlamentares, o texto segue para a sanção presidencial.

A ministra do MCTI, Luciana Santos, celebrou a aprovação do PLN. “Com a aprovação, estamos próximos de resgatar R$ 4,18 bilhões deste Fundo, que é a maior fonte de financiamento da ciência brasileira e instrumento fundamental para o desenvolvimento do País”, disse em nota.

- Continua após a publicidade -

Segundo a chefe da pasta, os recursos serão aplicados projetos nas áreas de saúde, reindustrialização, transição energética e transformação digital, com impacto no desenvolvimento nacional.

De acordo com a ministra, os recursos serão investidos em projetos estruturantes nas áreas de reindustrialização, saúde, transição energética e transformação digital que tenham impacto no desenvolvimento nacional.

O dinheiro também deverá ser usado para pagar despesas administrativas e operacionais do FNDCT, em empresas inovadoras, manutenção de acordos com organizações sociais e também para fomentar pesquisas científicas.

Segundo o governo, a abertura de crédito também poderá ser aproveitada para a implantação do reator multipropósito brasileiro (RMB), um reator de pesquisa que permite utilizar radiações geradas na reação nuclear para diferentes aplicações nas áreas da medicina, da indústria, da agricultura e do meio ambiente.

Com informações de Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -