back to top
25.5 C
Vitória
domingo, 14 DE julho DE 2024

O que é a Igreja Anglicana e por que Rei Charles virou ‘cabeça’ dela?

Rei Charles III. Foto: Reprodução.

A Igreja Anglicana tem passado por várias mudanças nos últimos tempos. Passou a ordenar mulheres ao sacerdócio em 1994 e bispas em 2014

Por Victor Rodrigues

O rei Charles III é o chefe da Igreja da Inglaterra, também conhecida como Igreja Anglicana. Com a morte da rainha Elizabeth II, esse papel cabe, agora, a seu sucessor, que herda o título de “defensor da fé e o governador supremo da Igreja da Inglaterra”.

A Igreja Anglicana tem raízes no catolicismo, do qual mantém muitas tradições, mas ganhou forma em meio à Reforma Protestante do século XVI. 

Como outras igrejas reformadas, ela reconhece apenas dois sacramentos: o batismo e a eucaristia; na Igreja Católica Romana, em comparação, os sacramentos são sete. 

- Continua após a publicidade -

A formação da Igreja Anglicana remete a séculos atrás, quando o rei Henrique VIII rompeu com o papa e o catolicismo, em 1534, sob um episódio histórico conhecido.

Henrique queria se divorciar de sua mulher, Catarina de Aragão, com quem não tinha filhos, mas a separação não foi autorizada por Roma. Ele, então, publicou dois atos – o de sucessão e o de supremacia – declarando-se chefe da Igreja da Inglaterra.

Cabe ao monarca britânico, até hoje, tarefas como aprovar a nomeação de arcebispos. Na Inglaterra, bispos desempenham papel legislativo: 26 deles têm assento na Câmara dos Comuns.

Igreja Presbiteriana

Em outros países do Reino Unido, a situação é diferente. A Igreja da Escócia, sendo presbiteriana, não tem no rei a figura de chefe supremo. Mas no dia (10), após ser aclamado rei, um de seus primeiros atos foi assinar um juramento histórico no Palácio de St. James prometendo manter o protestantismo na Escócia e a forma de governo presbiteriana.

No entanto, a Igreja da Inglaterra é a matriz da Comunhão Anglicana, que reúne 85 milhões de adeptos em 165 países. Como outros ramos do cristianismo, tem passado por várias transformações nos últimos tempos. Passou a ordenar mulheres ao sacerdócio em 1994 e bispas em 2014.

*Com informações de Valor Econômico. 

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -