25.1 C
Vitória
terça-feira, 20 abril 2021

Vitória Alfabetizada: meta é reduzir o analfabetismo


A Prefeitura Municipal de Vitória vai ensinar 4 mil adultos a ler até 2016
Moradores de Vitória que têm entre 15 e 59 anos e não sabem ler e escrever são o alvo do programa Vitória Alfabetizada, iniciado pela Prefeitura com a meta de reduzir o analfabetismo na cidade até 2016. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a capital tem cerca de 4 mil analfabetos nessas idades.
As ações são realizadas pela Secretaria Municipal de Educação (Seme) com o objetivo de estabelecer a igualdade de oportunidades na educação como forma de superar a injustiça social e reduzir as desigualdades.

Qualificação e crédito
Além da alfabetização, os participantes do programa poderão frequentar cursos de qualificação nas áreas de empreendedorismo e associativismo, uma parceria entre a Secretaria Municipal de Turismo, Trabalho e Renda (Setger) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Os alunos também poderão ter acesso a um programa de crédito para compra de equipamentos, infraestrutura e capital de giro para pequenos negócios, por meio de parcerias com o Sebrae, Banestes e as instituição financeiras comunitárias Banco Bem (Itararé) e Banco Puã (São Pedro).

Outro objetivo do Programa Vitória Alfabetizada é proporcionar aos jovens e adultos a ampliação de seus conhecimentos do mundo, da cultura e de matemática, além de assegurar aos jovens e adultos a oportunidade de continuarem o processo de escolarização formal (Educação de Jovens e Adultos – EJA).

Os maiores índices de analfabetismo na capital são verificados na região de Maruípe e São Pedro,

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se