18 C
Vitória
segunda-feira, 13 julho, 2020

Vida começa a voltar ao normal em Jos após conflitos

Mais lidas

Verstappen crava melhor tempo dos treinos livres do GP da Estíria

Neste domingo, a largada será às 10h10. Saiba mais!

Capixaba Natália Gaudio defende maior longevidade para atletas brasileiras

Após estar na Rio 2016, atleta quer Tóquio e não descarta Paris. Saiba mais!

Casaquistão desmente afirmações chinesas sobre novo vírus mortal

Embaixada chinesa na capital do país advertiu sobre nova doença com "índice de mortalidade superior à Covid-19"

ONU diz que pandemia pode elevar pobreza na América Latina

Em documento, ONU destaca fragilidade do sistema de saúde da América Latina

Cidade dominada por cristãos pode correr riscos que refletirão em todo o país.

No último dia 14 de setembro, conflitos inter-religiosos fizeram pelo menos três mortos na cidade de Jos, no estado de Plateau, no centro da Nigéria. Uma das vítimas fatais foi um jovem cristão que cursava o último ano de faculdade. O deão da escola de pós-graduação, Timothy O. Oyetunde, sobreviveu por um milagre. Ele estava saindo da faculdade quando jovens muçulmanos armados rodearam seu carro. Eles portavam punhais e outras armas e esfaquearam os outros dois passageiros que estavam no carro. Depois atearam fogo no carro.

O ataque em Jos foi desencadeado pelo Povo Indígena de Biafra (IPOB, na sigla em inglês), um grupo separatista formado em sua maioria por pessoas da etnia Igbo, responsáveis pela morte de alguns hausa muçulmanos. O governo federal enviou o exército para conter protestos, o que resultou em violência. Muitos membros do IPOB também foram mortos.

No país mais populoso da África, o estado de Plateau tem uma grande importância por estar no centro do país, dividindo o norte muçulmano e o sul cristão e animista. A cidade de Jos é vista como uma miniatura da Nigéria, por sua variedade étnica. Mas é dominada por três tribos majoritariamente cristãs. Assim, uma perturbação da paz em Jos poderia afetar toda a nação, principalmente as comunidades cristãs.

Desde o ataque, o governador decretou toque de recolher. Soldados armados permanecem em patrulha nos pontos principais da cidade. No último domingo, apesar de a segurança ter sido reforçada nas igrejas cristãs, poucas pessoas atenderam aos cultos, provavelmente por medo de ataque.

Essa semana as lojas reabriram e a vida voltou ao normal, para alegria dos comerciantes. A violência foi unanimemente condenada por líderes cristãos e muçulmanos do país. O governador do estado de Plateau se reuniu com líderes religiosos e reafirmou sua determinação em garantir segurança para todos.

 

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Amigos e artistas “Juntos pelo sertão” drive-in

Evento, que será realizado no dia 14 de julho, vai reunir artistas e preletores como Aline Barros, Isaías Saad, Gabriel Guedes, Juliano Son, Eli Soares, Hernandes Dias Lopes e outros.

Show drive-in do 3 Palavrinhas esse mês; Saiba mais!

O grupo infantil 3 palavrinhas vai se apresentar na Arena Sessions, no estádio Allianz Parque, em São Paulo dia 19 de julho Atenção criançada! O...

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Plugue-se

Igreja Adventista lança plataforma de podcasts

Com mais de mil episódios disponíveis, o 7Cast tem foco claro: compartilhar esperança em áudio A Igreja Adventista lançou no início de julho o "7Cast"....

Seguir os ensinos de Deus é a melhor escolha

“Se Não Fosse o Seu Amor” é o livro de estreia da empresária Larissa Pessoa, um romance que mostra que seguir os ensinos de Deus é a melhor escolha

Generosidade: O padeiro doador de pão e de fé

O dono de uma padaria no interior de São Paulo decidiu transformar a crise provocada pela pandemia de Covid-19 em uma oportunidade de ajudar quem precisa.

Fórum de Ciências bíblicas 2020: A Bíblia e a Criança

O Fórum de Ciências Bíblicas 2020, que terá temática para as crianças, será realizado nos dias 13 e 14 de agosto