19.9 C
Vitória
sexta-feira, 12 agosto 2022

Vacina desenvolvida pela UFRJ será submetida à Anvisa

Pesquisadores do Coope/UFRJ desenvolveram a UFRJ-Vac, no Rio de Janeiro - Foto: Divulgação/Coppe/UFRJ

“Já temos a empresa que conduzirá a aplicação da vacina nesses testes”, diz a reitora do UFRJ, Denise Pires de Carvalho

Por Patricia Scott

Marcelo Queiroga esteve na Maré, zona norte do Rio de Janeiro, nesta terça-feira (03). Durante a visita, foi divulgado o estágio do processo de desenvolvimento da vacina da UFRJ (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro). O ministro da Saúde garantiu, na ocasião, a distribuição de mais 120 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 nos meses de agosto e setembro.

“Recebemos a informação da reitora da UFRJ, Denise Pires de Carvalho. E isso nos dá orgulho. É o nosso serviço público unido no enfrentamento da pandemia”, ressaltou o ministro, na Clínica Adib Jatene, na Maré, acrescentado que toda a população brasileira acima de 18 anos estará vacinada com a primeira dose até setembro.

De acordo com reitora da UFRJ, Denise Pires de Carvalho, os estudos pré-clínicos da UFRJ- Vac já foram concluídos. Os resultados, segundo ela, serão encaminhados à Anvisa nos próximos dias.

“Até o fim da semana vamos submeter a documentação para análise da Anvisa, para que sejam autorizados os estudos de fase 1 e fase 2 em humanos”, explicou Denise e ressaltou: “Já temos a empresa que conduzirá a aplicação da vacina nesses testes. A tecnologia está sendo desenvolvida há cerca de um ano pela Coppe”.

Com informações Agência O Dia 

 

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se