24.9 C
Vitória
sábado, 20 abril 2024

United espera mais informações para tomar decisão sobre Antony

“O Manchester United tem conhecimento das acusações feitas contra Antony e observa que a Polícia está conduzindo investigações”, diz o comunicado

O Manchester United vai aguardar as próximas atualizações sobre a acusação de violência doméstica da qual o atacante Antony é alvo para tomar uma decisão sobre o futuro do brasileiro no clube. A conduta, exposta em nota nesta quarta-feira, é um pouco mais cautelosa do que a adotada no caso de Mason Greenwood, jovem promessa do time inglês que ficou afastado por um ano e meio após ser acusado de agressão e violência sexual, antes de ser emprestado ao Getafe no mês passado.

“O Manchester United tem conhecimento das acusações feitas contra Antony e observa que a Polícia está conduzindo investigações”, diz o comunicado. “Enquanto aguarda mais informações, o clube não fará mais comentários. Como clube, estamos tratando este assunto com seriedade, levando em consideração o impacto que essas alegações e as denúncias subsequentes terão sobre vítimas de abusos”, completa.

Diferentemente de Antony, Greenwood chegou a ser preso por alguns dias em períodos de janeiro e de outubro de 2022. O atacante inglês foi acusado de assédio, estupro e comportamento coercivo por uma mulher que compartilhou fotos e vídeos em que aparece com hematomas. Em fevereiro deste ano, o Ministério Público da Coroa do Reino Unido arquivou as acusações de tentativa de estupro e de assédio às quais Greenwood respondia. Antes, o órgão já havia descontinuado outras acusações, essas relacionadas a denúncias de comportamento controlador e coercivo.

Mesmo com a Justiça tirando o caso de pauta, o United manteve o jogador afastado e conduziu uma investigação interna para tomar uma decisão. A conclusão foi que “o material postado online não forneceu uma imagem completa e que Mason não cometeu os crimes pelos quais foi originalmente acusado”. O clube também diz ter promovido a apuração respeitando “os direitos e perspectivas da suposta vítima”.

- Continua após a publicidade -

Então, foi decidido que não haveria clima para o jogador continuar no elenco, até porque havia pressão grande de parte da torcida, especialmente de mulheres, contra a permanência. A situação culminou no empréstimo para o Getafe. Durante o período de investigação, ele perdeu contratos de patrocínio, como o que tinha com a Nike, e foi retirado do game Fifa 2022. O atacante tem 21 anos e fez toda a categoria de base no time de Manchester. Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -