22.1 C
Vitória
quinta-feira, 2 julho, 2020

Japão se ergue após passagem do tufão Jebi

Mais lidas

Queimada na Amazônia em junho é a maior dos últimos 13 anos

Mesmo com o Exército na região, as queimadas na Amazônia têm maior número de focos de calor no mês desde 2007

Xavantes contabilizam 32 mortos e se unem para enfrentar a covid-19

O Conselho Indígena Missionário já contabiliza 380 mortes de índios no País. Saiba mais! 

Governo prorroga restrição para entrada de estrangeiros no Brasil

Portaria que estende o prazo saiu no Diário Oficial da União de hoje. Saiba mais! 

Câmara pode votar hoje proposta que adia eleições deste ano

PEC foi aprovada na semana passada no Senado.

Estima-se que o fenômeno deixou 11 mortos, 470 feridos e cerca de 530 mil casas ficaram sem energia

O Japão começou a se recuperar nesta quarta-feira (05) depois tufão Jebi deixou ao menos 11 mortos, centenas de feridos e milhares de pessoas isoladas em um aeroporto inundado, embora ainda não se saiba quando a estrutura de um polo turístico do país será reaberta.

O tufão Jebi, cujo nome significa “engolir” em coreano, chegou a alcançar momentaneamente o status de supertufão e é a tempestade mais forte a atingir o Japão em 25 anos.

O Jebi chega após meses de fortes chuvas, deslizamentos de terra, enchentes, e temperaturas recordes que deixaram centenas de mortos no Japão.

Cerca de 3 mil turistas ficaram presos durante a noite no aeroporto de Kansai, no oeste do país, construído em uma baía perto de Osaka e conectado ao continente por uma ponte que foi danificada quando um navio se chocou com sua estrutura durante a tempestade.

Muitas pessoas foram resgatadas em barcos para sair do aeroporto, onde ainda era possível ver poças de água na principal pista após a inundação de terça-feira (04).

O secretário-chefe do gabinete japonês, Yoshihide Suga, disse nesta quarta-feira que cerca de 470 pessoas ficaram feridas e que ainda não se sabe quando o aeroporto será reaberto. Segundo ele, algumas linhas férreas das áreas afetadas ainda estão fechadas. O número de casas sem energia chega a 530 mil.

“O governo continuará a fazer tudo que for possível para lidar com esses problemas com a maior urgência”, disse Suga em coletiva de imprensa.

*Com informações de Reuters.

Leia mais

Japão se prepara para o tufão mais forte em 25 anos
Chuvas recorde já deixam quase 200 mortos no Japão

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Em agosto, 16º Fórum de Ciências Bíblicas

Com o tema “A Bíblia para as novas gerações”, evento será realizado nos dias 13 e 14 de agosto, no Centro de Eventos de...

Expoevangélica 2020 é adiada para dezembro

Neste ano, a Expoevangélica celebra 15 anos e pretende realizar uma grande festa em Fortaleza (CE).

Plugue-se

Denzel Washington e seu encontro sobrenatural com o Espírito Santo

O ator é bem conhecido por interpretar o papel de Malcolm X - um filme biográfico relacionado às atuais tensões raciais nos Estados Unidos e o Livro de Eli

Petição pede cancelamento de filme que descreve Jesus como lésbica

A petição, que já conta com mais de 137 mil assinaturas, é da Comissão Cristã de Cinema e Televisão internacional

Amanda Loyola lança seu primeiro single pela Sony

"Bússola" faz parte do primeiro EP da cantora pela gravadora, que conta com sete canções.

Músicos e artistas capixabas em “Carta para sociedade”

Em uma mensagem de esperança, Carta para sociedade conta com a participação de Alessandra Rangel, Jeremias Reis e outros músicos capixabas