Trazendo a Arca decide paralisar suas atividades

Foto: Renato Cabrini

Primeiro show da turnê de despedida “Sexto Passo” do grupo foi na última segunda (22), no Rio de Janeiro. Apresentações que marcam o encerramento da banda seguem até dezembro.

Após 16 anos de estrada, o ministério Trazendo a Arca decidiu paralisar suas atividades por tempo indeterminado. O anúncio foi feito pelas redes sociais da banda.

Em entrevista exclusiva para a Comunhão, o líder e vocalista da Banda, Luiz Arcanjo disse que a decisão de parar as atividades do Ministério foi em consenso com todos integrantes da banda. Segundo ele, é apenas um período sabático. E que a banda não vai acabar.

“Nós já vínhamos conversando sobre isso desde o ano passado e com o acúmulo de atividades de cada um entendemos que precisávamos desse tempo. Estávamos há quase 20 anos na estrada sem parar, além de trabalhar, exercer o pastoreio na igreja, estudar e cuidar do ministério. Ou seja, estávamos sobrecarregados de trabalhos. Não brigamos, apenas resolvemos parar para descansar por um período. Entendemos que foi necessário esse tempo”, explicou o vocalista.

Para se despedir do público, grupo lançou a turnê de despedida “Sexto Passo”. O primeiro show aconteceu na última segunda-feira (22), na Igreja Batista Atitude, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. O tour vai até dezembro. Algumas datas ainda não foram definidas. Mas o grupo pretende rodar as capitais.

Cada show terá apresentação de cerca de duas horas. A Banda vai tocar os maiores sucessos do grupo. Ao todo são 30 canções. Todas conhecidas do público.

“Nossa intenção é apresentar em todas as capitais do Brasil e em algumas cidades grandes para nos despedirmos do público que sempre nos acompanhou nesses anos todos. Nessa primeira apresentação que fizemos sentimos um enorme carinho do público. Vemos famílias inteiras reunidas. São várias gerações que acompanharam nosso trabalho. É muito legal essa receptividade das pessoas. Foi uma noite incrível de louvor e adoração ao Senhor”, contou Arcanjo.

Trazendo a Arca foi um dos que mais se apresentou no Jesus Vida Verão em Vila Velha (ES). Foto: Renato Cabrini
Mercado musical

O Ministério Trazendo a Arca foi formada em 207, em Nova Iguaçu (RJ). Foi formada em 2007. E originou-se como uma dissidência do Ministério de louvor Apascentar, antigo Toque no Altar.

Grupo é considerado um dos conjuntos musicais de maior sucesso e destaque no cenário evangélico. Ao longo de sua história sempre mesclou o canto congregacional como o pop rock. E tornou-se um dos recordistas de vendas de discos no Brasil.

Luiz Arcanjo afirmou que chegou o momento da banda se recolocar no mercado fonográfico por conta das mudanças da música gospel. Esse também foi outro motivo da paralisação da banda. Além do descanso, o vocalista afirmou que será um tempo de estudos, reavaliações e planejamentos.

“Nós entendemos que precisamos reaprender e reposicionar no mercado fonográfico, pois somos do tempo do orgânico. O mercado hoje é digital, totalmente audiovisual e nós não temos essa habilidade, diferente da nova geração. Essa parada será um tempo para que possamos estudar para aprender a dominar essas novas tecnologias. Aí iremos planejar e voltar com algo novo e diferenciado para o nosso público”, revelou.

Confira aqui as datas da turnê


Leia mais

A trajetória de sucesso do Ministério Trazendo a Arca