Os perigos do “Transtorno de Ansiedade”

Palestra realizada no último dia (01) na Igreja A Grande Comissão em Vitória (ES), destacou a relevância que o tema tem no meio cristão 
Palestra realizada no último dia (01) na Igreja A Grande Comissão em Vitória (ES), destacou a relevância que o tema tem no meio cristão 

Igreja atenta à relevância do tema no mundo e a importância de estarmos cientes disso no meio cristão

O crescente número de casos de transtornos de ansiedade e depressão é um assunto em ascensão no meio das igrejas. E a psicóloga Isabella Bahiense é uma das vozes que busca trazer esclarecimentos e informações quanto à saúde emocional.

O Brasil lidera o ranking mundial da ansiedade, com cerca de 9,3% da população acometida pelo transtorno, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Simultaneamente, o continente americano lidera as estatísticas mundiais com 5,6% da população.

Transtornos de Ansiedade

Segundo Isabella, muitos fatores estão envolvidos quando uma pessoa desenvolve um transtorno de ansiedade. E pesquisas científicas mostram uma clara interação entre a genética e fatores ambientais, acontecimentos de vida traumáticos e estresse.

“Em outros casos, não necessariamente é um evento, mas uma sucessão de coisas que desenvolveu a patologia”, explica a psicóloga. No entanto, sabemos que a interação com o meio existe. “Isso e o modo como o sujeito , com seus recursos pessoais, lida com as situações, interferem para o surgimento da patologia”, concluiu.

Palestra

A psicóloga ministrou no último domingo (01) a palestra “Conflitos da Vida” na Igreja A Grande Comissão em Vitória (ES). A iniciativa tem o objetivo de trazer esclarecimento quanto à importância do tema, explica o Pastor Advaldo Domingos, organizador do evento.

palestra Conflitos da VIda, na igreja A Grande Comissão
Palestra Conflitos da Vida, na igreja A Grande Comissão

“Os cristãos precisam entender que a verdadeira ciência trabalha junto com a bíblia”.  Domingos destaca que, “dessa maneira, seremos mais eficientes em nosso evangelismo”. Definitivamente, “sem preconceitos e unindo as forças com toda forma de ajuda possível”.

O líder reitera que o assunto é complexo e cristãos precisam estar atualizados para não cometer erros ao ajudar os necessitados. “Um erro pode ser desastre em caso de transtorno ou depressão que muitas vezes tem levado as pessoas ao suicídio”, concluiu.

A psicóloga afirmou a importância do tema para o meio da igreja e continuará dando palestras. Isso porque existe muito preconceito e falta de esclarecimento em relação aos transtornos mentais, no meio do povo de Deus.

Em suma, daí a importância do alerta deixado por Isabella Bahiense. Definitivamente, a avaliação dos Transtornos de Ansiedade deve ser realizada por psiquiatras e psicólogos. Porque quadros de ansiedade patológica podem ser induzidos por algumas substâncias psicoativas. E também por doenças cardiovasculares, pulmonares, neurológicas ou endócrinas. Entram nesta lista ainda as intoxicações, dentre outras, destaca Isabella. Assim, “também devem ser encaminhados a outras especialidades médicas para o tratamento adequado”, finaliza.


Isabella Bahiense é palestrante é especialista em Psicologia Clínica pela Puc-Rio, pós-graduanda em Psicologia Positiva Aplicada pelo Instituto Internacional de Psicologia Positiva/RJ e pós-graduanda em Terapia Cognitivo Comportamental pelo CBI of Miami. Faz psicoterapia com crianças, adolescentes e adultos.

LEIA MAIS

Psicologia e saúde emocional do cristão 
Dica de leitura: “Psicologia Pastoral”