22.6 C
Vitória
segunda-feira, 6 julho, 2020

Não ao racismo! O silêncio da indústria da música

Mais lidas

O mistério da morte de centenas de elefantes na África

Pesquisadores acreditam que o coronavírus possa ser uma das causas das mortes das centenas de elefantes na África. Saiba mais!

Coronavírus deixa 73 países em risco de escassez de remédios para HIV

A incapacidade dos fornecedores de entregarem os antirretrovirais dentro do prazo e a paralisação dos serviços de transportes terrestre e aéreo estão entre as causas

Estudantes com Fies podem suspender parcelas no BB a partir de hoje

A manifestação pode ser feita pelo app BB. Saiba mais! 

Governo amplia vetos na lei que torna obrigatório o uso de máscara

Artigos da lei foram republicados no Diário Oficial de hoje. Saiba mais! 

Nos EUA, indústria da música faz silêncio em protesto ao assassinato de pessoas negras por policiais. No Brasil, as gravadoras evangélicas Sony Music e Universal Music aderiram ao movimento

A indústria da música norte-americana se mobilizou nesta terça-feira (2), para fazer um “apagão” de suas atividades, somando-se ao movimento antirracista Black Lives Matter (em português, “vidras negras importam”). Trata-se de da luta contra o racismo em protestos desde o assassinato de George Floyd por um policial branco, em Minneapolis (EUA).

A ação chamada Blackout Tuesday (terça-feira de apagão) faz parte da campanha The Show Must Be Paused (o show deve ser interrompido). Propõe um silêncio, com interrupção de transmissão de rádio, por parte de emissoras; pausa em serviço de streaming, como é o caso do Spotify, e paralisação de trabalhos em gravadoras.

Brasil

No Brasil, algumas gravadoras de música gospel aderiram a campanha. Entre elas a maior gravadora gospel do país, Sony Music está integrando ao movimento global contra a violência e discriminação racial.

“Hoje nos unimos na luta contra o racismo e assim na luta contra toda forma de discriminação, violência e injustiça. Mais que nunca, devemos levantar nossas vozes a favor das vítimas destas atrocidades. Entendemos a gravidade dos problemas quando o sofrimento afeta a nós mesmos, a familiares ou amigos. Não podemos fechar os olhos nem olhar para outro lado diante de injustiças como essa”, diz a nota da Sony publicada no instagram.

A Universal Music Christian Group, que também aderiu à campanha, irá promover diversas ações de conscientização contra o racismo. A partir das 19h, acontecerão uma série de lives com seus artistas abordando o tema.

Sem música

Os lançamentos da gravadora que estavam previstos para hoje (02) não irão acontecer em função do movimento. Um deles seria o da cantora Mariana Valadão. Ela iria lançar a canção “Poderoso”. Em sua conta no instagram ela declarou que faria silêncio pela causa.

“Haverá silêncio aqui em casa pela dor do meu próximo, que tem vivido dores sendo discriminado simplesmente por ser”, escreveu. E conclamou:  “Vem comigo nesse dia rever valores e lutar juntos pelo nosso próximo! Como Jesus disse amando o outro como a nós mesmos!”

Além da conscientização, o cantor Weslei Santos, da Sony, diz que é preciso dar um basta no comportamento racista. “Atitudes como esta mostram que o racismo está muito mais dentro da sociedade e da igreja como a gente imagina. Me sinto envergonhado em saber que precisamos fazer esse tipo de ação no mundo para que sejamos lembrados. É triste isso”, declarou à Comunhão.

Reflexão

Trata-se de um dia de reflexão. De um ponto de partida. Trata-se do compromisso de cada um de perante ao profundo significado de diversidade e justiça.

“Nós estamos solidários com a comunidade negra, nossos artistas, funcionários, colegas e líderes da comunidade na luta contra a injustiça racial. Este será um dia de ação comprometida com mudanças significativas em nossas comunidades, agora e no futuro”, diz o comunicado divulgado pela Sony Music.

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Em agosto, 16º Fórum de Ciências Bíblicas

Com o tema “A Bíblia para as novas gerações”, evento será realizado nos dias 13 e 14 de agosto, no Centro de Eventos de...

Expoevangélica 2020 é adiada para dezembro

Neste ano, a Expoevangélica celebra 15 anos e pretende realizar uma grande festa em Fortaleza (CE).

Plugue-se

“Bíblia de Estudo Swindoll”: mais compreensão e curiosidades

Além de facilitar a compreensão, a "Bíblia de Estudo Swindoll" traz curiosidades sobre o livro mais vendido do mundo

Kanye West anuncia nova música de trabalho com temática gospel

Em um vídeo curto Kanye West divulgou detalhes da melodia da canção "Wash Us In The Blood" (Lava-nos no Sangue)

Enciclopédia dos adventistas em formato digital

Enciclopédia é fruto de um trabalho de dezenas de profissionais em várias partes do mundo e inclui material sobre pioneiros adventistas na América do Sul

Juliano Son canta “Nada mudou”, do EP Tudo Novo

Canção é o quinto e último single do projeto musical Tudo Novo, de Juliano Son