back to top
23.9 C
Vitória
quinta-feira, 20 junho 2024

Rogério Ceni não admite perder título: ‘É tão difícil chegar, tem de aproveitar’

Foto: Rubens Chiri/Saopaulofc.net
Rogério Ceni não admite perder título: 'É tão difícil chegar, tem de aproveitar' - Foto: Rubens Chiri/Saopaulofc.net

Apesar de não admitir deixar a chance de ouro escapar, Ceni garante que não fica pensando nas horas vagas no tamanho da importância de levantar a taça

Rogério Ceni está muito perto de aumentar sua idolatria na história do São Paulo ao se eternizar como bicampeão da Copa Sul-Americana em funções distintas: campeão entre as traves em 2012, busca o segundo título agora na beira do campo, comandando o time, fato raro no mundo da bola em competições na América do Sul que apenas Galhardo e Renato Portaluppi conseguiram. No sábado, em Córdoba, na Argentina, o time paulista encara o Independiente Del Valle pela decisão, e o treinador não admite deixar o título escapar. Em entrevista exclusiva para o podcast da Conmebol, o comandante são-paulino abriu o coração sobre o que espera neste sábado.

“As pessoas não querem saber do momento, elas querem que você entregue a vitória, o título. O que passo para eles é que nós viemos até aqui, estamos a 90, 120 minutos, como quer que seja, de uma briga pelo título. Nós não podemos deixar passar a oportunidade”, enfatizou. “É difícil ser campeão, é difícil chegar à decisão, passar em mata-mata. É apenas a segunda vez que chegamos nos últimos 10 anos, a não ser em regionais. É difícil chegar em uma final da Sul-Americana, da Libertadores, e temos de aproveitar a oportunidade. Seja aquele com 18 anos, para iniciar a carreira com título importante, ou com 38, caso do Miranda. Ser campeão é uma coisa muito especial e se o momento lhe permite, tem de tentar a todo custo ganhar o título”.

Apesar de não admitir deixar a chance de ouro escapar, Ceni garante que não fica pensando nas horas vagas no tamanho da importância de levantar a taça. “Eu não paro para pensar, mas seria muito especial eu ser campeão agora como treinador depois de ter sido como jogador. Para mim, seria mais importante ser campeão pelo São Paulo como treinador, independentemente da competição, pois é muito difícil alcançar”, frisou.

Elogios ao rival

Não são poucos os jogos do Independiente Del Valle que foram vistos por Ceni nos últimos dias. Ele evita dar pistas de quais as brechas que viu para o São Paulo aproveitar em Córdoba, e tece bastante elogios aos equatorianos.

- Continua após a publicidade -

“Uma equipe adversária boa, de muita posse, de qualidade técnica Eu não vou entrar nesses assuntos (que deixa espaço), mas é um time que tem mais qualidades que deficiências. É equipe de história, de qualidade, com característica peculiar de construir bem as jogadas, parecida com o São Paulo”, analisou. “Eu prefiro olhar com calma, avaliar, vi os jogos contra o Melgar e tentaremos achar os espaços que todos deixam, nós também temos nossos defeitos.”

Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Publicidade

Comunhão Digital

Publicidade

Fique por dentro

RÁDIO COMUNHÃO

VIDA E FAMÍLIA

- Publicidade -