Reunião de pastores abre Proclamação do Evangelho 2012

No sábado, dia 26, aconteceu o Dia da Proclamação do Evangelho, em Vila Velha. A celebração foi iniciada no período da manhã com o Encontro de Líderes e Pastores de diferentes denominações evangélicas da Grande Vitória. À noite, o público apreciou o louvor com apresentações de cantores, como Damares, Trazendo a Arca e Bruna Olly, realizado a partir das 18 horas, na Prainha do município canela-verde.

O pastor Samuel Câmara, da Assembleia de Deus em Belém (PA), palestrou no encontro Líderes e Pastores, evento que abriu as comemorações na manhã de sábado. E a sua mensagem foi para que os cristãos que ocupam cargos nas denomicações não se impressionassem pela função que exercem na igreja. Isso, para que não percam a essência de servir ao senhor. Para que “não despreze o primeiro amor, o amor a Deus”, observou.

“O ministério demanda muito do pastor, fazendo dele um homem de organização e de denominação. E com isso afasta da possibilidade de comunhão e de continuar sendo uma pessoa muito simples. E a melhor qualidade de qualquer pessoa e a única coisa que vale para Deus é ser salvo, e ser cristão. As demais funções são consequências e não nos deve afastar da simplicidade e comunhão, de sermos um só reino, o reino do senhor”, enfatizou o pastor Samuel Câmara.

Na palestra, o pastor lembrou que os líderes, entre eles pastores, obreiros, diáconos e outros, têm duas missões primordiais: servir a Deus e servir ao povo de Deus. Conforme explicou, o cargo ocupado na igreja é apenas uma questão de organização, e não pode interfeir nessa missão. No entanto, em algumas denominações a hierarquização estão afetando a comunhão deles. “O amor a Deus é trocado pela função que o servo ganhou”, discursou.

Para o presidente da Associação de Pastores de Vila Velha (Apevive), pastor Pedro Carlos de Souza, o propósito este ano da Proclamação do Evangelho foi trabalhar pela unidade da igreja e fazer o resgate da oração e da união. Segundo ele, várias denominações participaram do encontro, entre Batista Tradicional e Renovada, Metodista, Assembleia, Presbiteriana, Pentecostais e outras. “Hoje aconteceu algo inédito. Inclusive, para a Associação que é a participação das denominações tradicionais, a Batista Tradicional somou com a gente nesse encontro”, comemorou.

O evento foi realizado no Cerimonial Brumar, no Centro de Vila Velha. Participaram do encontro pastores e líderes de igrejas evangélicas de várias denominações da Grande Vitória. Além de a presença de representantes políticos, como o prefeito de Vila Velha Neucimar Fraga, o secretário de Defesa Social do Município Ledir Porto e o secretário de Obras do Município Reginaldo Loureiro e o deputado Estadual Esmael Almeida.

De acordo com Ivanildo Medeiros Nunes, organizado do evento pela Criative Produções, a Campanha Mundial de Oração (CMO), de 17 a 27 de maio, envolve 268 países. Várias igrejas participam no Brasil. A própria programação da Proclamação do Evangelho aborda a campanha do CMO, que é orar pelas igrejas que são perseguidas, pelos países afligidos com a pobreza, morte e para que a palavra de Deus seja levada a todos os povos.