Mais de 2 mil pessoas pedem refúgio no México

Foto: Reprodução

Os refugiados querem ir para os EUA. O presidente Donald Trump disse que vai enviar 15 mil soldados para a divisa com o México para impedir a entrada dos imigrantes. 

Cidade do México – O ministro da Secretaria de Governo do México, Alfonso Navarrete, afirmou que aproximadamente 2.200 pessoas que estavam em caravanas que atualmente cruzam o país para chegar aos Estados Unidos aderiram ao plano para facilitar a solicitação de refúgio, e cerca de 700 foram repatriadas por vontade própria.

“Não haverá repatriação ou deportação a menos que eles próprios peçam, como já houve com um número grande de centro-americanos”, disse Navarrete a jornalistas.

De acordo com o ministro, os 2.200 imigrantes que ficaram no México fazem parte do plano “Estás en Tu Casa”, anunciado na semana passada pelo presidente do país, Enrique Peña Nieto, e que visa a facilitar a solicitação de refúgio e regularizar a situação migratória, oferecendo emprego temporário e acesso aos sistemas de educação e saúde.

“Estamos trabalhando com a caravana migratória, oferecendo o que o governo federal está propondo, que tem sido publicado e ajudando na questão humanitária”, detalhou o ministro.

Atualmente existem duas caravanas em deslocamento pelo sul do México: uma formada por 7 mil pessoas e que entrou em 19 de outubro a partir da Guatemala, e outra, de cerca de 2 mil pessoas, que chegou ao país na segunda-feira passada, quando um hondurenho morreu.

EUA

Nesta quarta (31), o presidente dos EUA, Donald Trump anunciou que vai enviar 15 mil soldados à fronteira com o México. Ele quer deter a caravana de imigrantes que se dirige ao país após deixar Honduras no último dia 13. Eles estão a 1.600 quilômetros da fronteira com os EUA.

“Os EUA estarão preparados e os imigrantes não vão entrar em nosso país”, declarou Trump em entrevista coletiva na Casa Branca.

*Com informações da Agência EFE


Leia mais

O amor pelos refugiados
ONG cristã pede doações para refugiados da Síria
“SOS Venezuela” – Campanha para ajudar refugiados