Psicologia e saúde emocional do cristão

Bate-papo realizado na Igreja Batista em Guaranhuns
Bate-papo aconteceu neste domingo (25) de agosto. (Foto: Thainá Dias).

A psicologia ajuda, mas a Bíblia é o manual da vida. Um guia para a saúde física, mental e espiritual

Problemas na alma, traumas, emoções. Todo mundo já passou por algo parecido. E quando se trata de saúde emocional, o socorro vem da psicologia. E hoje (27) comemoramos o dia do Psicólogo, profissional da saúde responsável por estudar e orientar o comportamento humano, lidando com os sentimentos, traumas e crises das pessoas.

Nas escrituras sagradas são vários os textos que falam de saúde e orientações comportamentais simples do dia-a-dia. Portanto podemos observar nelas a ordem natural das coisas para aprendermos a proteger a saúde, incluindo uma alimentação saudável, passando pelo controle dos excessos.

Mas não é apenas da saúde física que o Manual da Vida trata. Manter a saúde mental e espiritual, por exemplo, também faz parte dos planos de Deus para nossa vida. E o crescente número de casos de problemas de saúde mental tem chamado a atenção das igrejas.

Em agosto, para celebrar o mês da Bíblia, a igreja Batista Guaranhuns, em Vila Velha (ES), lançou no Youtube a série de mensagens com o tema GPS: “Guia Para a Salvação”, “Guia Para Solução”, “Guia Para Sucesso”, “Guia Para Santidade” e “Guia Para Sabedoria”.

BÍBLIA E A SAÚDE

Além disso, no último domingo (25), a igreja organizou o bate-papo “A Bíblia é um G.P.S. – Guia Para Saúde Física, Mental e Espiritual”, como parte do projeto.

O bate-papo, mediado pelo pastor Mãnu Mezabarba, contou com a presença do psicólogo Ismael Anderson e do psiquiatra Samuel Rodrigues. Ambos são pastores que, com suas experiências, puderam destacar a importância da saúde integral.

Mezabarba perguntou aos entrevistados se eles acreditavam que a bíblia era um guia para saúde em todas as áreas do ser humano. Ao ser interrogado sobre fé e ciência, Samuel disse “ser um terreno de desafios”. “Mas alguns pioneiros fora do Brasil começaram a estudar a espiritualidade como algo paralelo a ciência”, acrescentou.

Ismael, que atua há 16 anos como pastor e há sete como psicólogo, entende que a Bíblia é o melhor manual para saúde. E destacou a importância de entender o ser humano em sua totalidade.

“Nós também somos corpo, somos essa psique, essa alma, em processo contínuo de transição, de evidência, de descoberta de percepção, e evidentemente no contexto que a gente tem vivido. O homem muitas vezes não sabe lidar muito bem com isso”, explicou.

Ao ser questionado sobre a religiosidade, radicalismo e fanatismo que temos visto com bastante frequência em diferentes denominações, o pastor Ismael enfatizou que Bíblia é um guia para a saúde. Mas é preciso atenção às interpretações errôneas acerca da Palavra.

“A leitura de maneira errada, sem uma hermenêutica adequada, pode ser um prejuízo para a saúde, levando o ser humano a processos de extremidade. A Bíblia nos incita a posicionamentos, mas sempre com processos de equilíbrio no nosso comportamento”, concluiu.

Confira o debate


LEIA MAIS

O Poder de uma Mente transformada
Emoções: como ensinar seus filhos a lidar com elas
Hernandes Dias Lopes: causas e prevenções para o suicídio