25.9 C
Vitória
quarta-feira, 27 outubro 2021

Protestos seguem durante a tarde desta sexta-feira

Em resposta às reformas trabalhista e previdenciária, a manhã desta sexta-feira (28/04), é marcada por protestos em diversas cidades do país.

A greve reflete a insatisfação nacional ao Governo de Michel Temer. Uma pesquisa de opinião divulgada nesta semana pelo instituto Ipsos indica que apenas 4% dos brasileiros apoiam o Governo.

Aproximadamente 88 atos foram convocados em todo o país. A greve geral é organizada pelas principais centrais sindicais do país como a CUT (Central Única dos Trabalhadores) e a Força Sindical.

Espírito Santo – Vitória

Por volta do meio-dia, manifestantes seguiam em passeata na Av. Reta da Penha com destino ao prédio da Findes, onde permanecem protestando. Algumas vias foram liberadas, mas os ônibus não estão circulando. Apesar da justiça determinar que 50% dos ônibus circulassem, até as 13h30 não havia transporte coletivo e os terminais do Transcol permaneciam fechados.

Às 13h20, a pista foi totalmente liberada no km 297 da BR 101, em Viana. Às 10h50, a PM comunicou que havia liberado a circulação completa de veículos nas avenidas Dante Micheline e Getúlio Vargas e nas Segunda e Terceira pontes. Em todos os casos as vias foram liberadas mediante negociação e com uso pontual da força.

De acordo com Secretaria de Segurança, houve registros de depredações na reta do Aeroporto, por volta das 11h40 e a Polícia Rodoviária Federal fazia uso pontual da força.

A Secretaria de Estado da Educação (Sedu) informa que nesta sexta-feira (28), no turno matutino, as atividades escolares estão sendo realizadas seguindo o calendário vigente. Apenas em algumas unidades da Grande Vitória e Colatina as atividades estão acontecendo parcialmente. A Secretaria informa, ainda, que as aulas estão mantidas nos períodos vespertino e noturno.

São Paulo – São Paulo

Na capital ônibus não funcionam, com exceção dos micro-ônibus, Metrô e CPTM: funcionam as linhas 4-Amarela, 1-Azul (entre Paraíso e Luz, mas sem parar na Sé), 9-Esmeralda (entre Santo Amaro e Pinheiros) e 10-Turquesa (entre Luz e Tamanduateí). Aeroporto de Congonhas e Cumbica: funcionam normalmente.

Rio de Janeiro

A cidade registra manifestações desde às 6h50 desta sexta-feira (28), devido aos bloqueios no tráfego da cidade e aos impactos nos transportes. No início da manhã, havia redução no número de ônibus que circulam pelo Centro do Rio, mas na Zona Oeste, especialmente na Rodoviária de Campo Grande, eles circulavam normalmente. O número de passageiros, no entanto, era menor que o habitual.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se