28.8 C
Vitória
segunda-feira, 8 agosto 2022

Programa capacita 5 mil policiais no combate ao contrabando

PM
Foto: Divulgação

Projeto é parceria entre a USP e o Ministério da Justiça

Por Agência Brasil (Agencia Brasil)

A segunda edição do programa de capacitação de polícias com foco no crime organizado teve a participação de 5 mil policiais de todos os estados do Brasil. A formação, encerrada hoje (30), busca melhorar o nível de conhecimento dentro das instituições sobre o comércio de produtos contrabandeados e falsificados.

O projeto, que acontece no modelo de ensino a distância, é uma parceria entre o Instituto de Relações Internacionais da Universidade de São Paulo (IRI-USP) e o Ministério da Justiça e Segurança Pública. O projeto também recebeu financiamento da produtora de tabaco Philip Morris International (PMI), dentro de uma iniciativa que apoia programas de combate ao comércio ilegal.

Além dos agentes brasileiros, houve a participação de policiais de outros países da América Latina. Um dos focos é capacitar os agentes que atuam na tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina. Assim, o programa busca ainda ser uma oportunidade para aprofundar a cooperação e trocas entre policiais de diferentes localidades e do Poder Judiciário.

Entre os participantes brasileiros, quase a metade (2,4 mil) são do Ceará. Em seguida, vem São Paulo, com 538 policiais que receberam a formação. De Rondônia foram 280 agentes.

Dentro do projeto, também foi publicado, em formato de livro digital, o Atlas do Sistema Jurídico e Criminal dos países que compõem a Tríplice Fronteira. O livro faz uma comparação entre as legislações dos três países a partir das experiências da Comunidade Econômica Europeia.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se