25.5 C
Vitória
quinta-feira, 18 agosto 2022

Pastor que perdeu filho em acidente, ensina sobre o valor da família

Na foto o pastor Myron e sua esposa Jenny Leavitt. Foto: Reprodução.

“Valorize sua família. Nunca sabemos o que o amanhã nos reserva”, disse o pastor Myron Leavitt

Por Victor Rodrigues

O casal de líderes Myron e Jenny, fecharam a igreja Capela da Vitória em Jacksonville, na Flórida, perto da meia noite, após uma linda apresentação musical e foram para casa. Logo depois, eles receberam uma ligação com uma notícia terrível, os dois filhos haviam sofrido um acidente de carro.

Como nenhum dos dois atendiam ao celular, o pastor Myron Leavitt, correu até o local do acidente e a esposa Jenny, ficou em casa, caso um dos filhos, Caleb de 20 anos ou Jacob de 17, voltassem.

Ao chegar ao local, o pai se deparou com uma grande tragédia. O carro estava tão destruído que ele não conseguiu identificar se realmente era o carro do filho.

“Então olhei de perto e vi que era a caminhonete dele, com a frente irreconhecível”, disse. 

O carro de Caleb após o acidente. Foto: Reprodução.

Ao perguntar ao policial sobre os meninos, Caleb e Jacob, a resposta é que havia apenas um deles no local.

“Percebi que ele tentava me empurrar para o outro lado da rua. Então, olhei para a esquerda. Não sei como não tinha visto antes, mas lá estava um dos meus filhos dentro de um saco para cadáveres”, lembrou.

 “Eu estava sobrecarregado com a dor. Naquele momento, passou um filme em minha mente, não sobre a vida, mas sobre todos os meus fracassos como pai”, disse.

“Eu me agachei segurando minha cabeça em minhas mãos, enquanto esses pensamentos atacavam minha mente”, relatou ao contar que foi informado que o outro filho havia sido levado as pressas para o hospital.

A última foto de família reunida com Jacob em 2014. Foto: Reprodução.

Milagre 

Myron foi para o hospital. Caleb estava sendo levado às pressas para a sala de cirurgia. “Se você quer vê-lo, veja-o agora, porque não há garantia de que ele vá sobreviver”, disse o médico.

“Meus filhos foram atingidos por uma batida na porta do motorista, a 110 quilômetros por hora, por outros jovens que estavam bêbados”, disse ao descrever que Jacob teve os dois tímpanos estourados, quebrou o braço esquerdo, o fêmur direito e a pélvis em três áreas, além de ter quebrado o pescoço na vértebra C7.

Enquanto os cirurgiões trabalhavam, vieram três policiais estaduais e conduziram Myron e Jenny a uma pequena sala privada. Eles os informaram que o cadáver na rua era realmente de Jacob, de 17 anos.

“Basicamente, eles entregaram à minha esposa um saco plástico com anéis ensanguentados, uma carteira ensanguentada e coisas que estavam nos bolsos dele, todas cobertas de sangue”, disse Myron.

Milagrosamente, Caleb sobreviveu. Ele saiu da operação em coma e Myron sussurrou em seu ouvido: “Não podemos perder você, você tem que lutar, cara”. Enquanto isso, o funeral de Jacob foi realizado.

O dia em o filho que Caleb recebeu alta do hospital. Foto: Reprodução.

Recuperação

Caleb acordou. Ele sofreu uma lesão cerebral traumática no acidente e passou por um longo período de recuperação. 

Seu filho ficou em uma cadeira de rodas por dois meses e se formou usando um andador. “Ele foi um guerreiro e, como não podia fazer nada durante seu tempo de reabilitação, ele comprou gravatas e começou a vendê-las na igreja, mesmo em cima de uma cadeira de rodas”, lembrou o pai.

Caleb se formou como professor de educação especial e ainda está servindo na igreja de Jacksonville, embora esteja com uma perda auditiva significativa. Atualmente, Mryon está pastoreando em Sanford.

Reflexão 

O pastor Myron decidiu perdoar e não guardar rancor dos outros adolescentes bêbados, que de acordo com ele, foram os responsáveis pelo acidente. 

Myron queria amá-los e mostrar-lhes o amor de Deus. A forma que ele encontrou para fazer isso, foi visitando escolas secundárias do Condado de Seminole, na Flórida, junto com um xerife, para dar palestras sobre os riscos de dirigir embriagado.

Seu conselho para as pessoas foi: “valorize sua família. Nunca sabemos o que o amanhã nos reserva”.

“É nos momentos mais sombrios da vida que você descobre quem você realmente é. Você tem que refletir sobre as dificuldades da vida e crer em Deus. Se você não fizer isso, você não tem como se recuperar”, finalizou falando sobre a fé em dias difíceis. 

*Com informações de God Reports. 

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se