20.8 C
Vitória
sábado, 4 julho, 2020

Pastor nigeriano reflete parceria com Cristo no sofrimento

Mais lidas

Flexibilização do isolamento pode ter levado 1,1 milhão de volta ao trabalho

Segundo a Pnad Covid, pesquisa divulgada pelo IBGE, de 7 a 13 de junho, a taxa de desemprego no País estava em 12,4%, ante 11,8% na semana anterior

Bolsonaro sanciona lei que torna obrigatório o uso de máscara

Medida foi publicada hoje no Diário Oficial da União. Saiba mais! 

Desigualdades e baixo aprendizado são os maiores desafios na educação

Relatório do Inep aponta desafios para cumprir metas do PNE. Saiba mais! 

Bolsonaro escolhe Renato Feder como novo ministro da Educação

A expectativa é que o anúncio seja feito ainda nesta sexta-feira (3). Saiba mais!

Os cristãos podem encontrar uma felicidade estranha à medida que crescemos em nossa disposição de enfrentar perseguições. Saiba mais!

Os cristãos sendo perseguidos por sua fé é uma realidade diária na Nigéria contemporânea. Os fazendeiros cristãos, em particular, enfrentam perseguição quando os pastores muçulmanos migram para a nossa região e procuram ultrapassar nossa terra ancestral. As táticas de invasão são frequentemente usadas para expulsar os cristãos rurais de suas terras agrícolas.

Em muitos casos, os pastores soltam suas vacas para pastar nas terras agrícolas de um cristão, destruindo as colheitas e os meios de subsistência do agricultor. No ano passado, uma mãe cristã de quatro filhos que era a ganhadora de pão de sua família empobrecida – perdeu quatro hectares de colheitas dessa maneira. Sua família sofreu essa perda trágica por causa de sua fé em Cristo.

Seus campos estavam tão destruídos que não conseguiu colher um único grão. Ela achou que não receberia uma audiência justa e que buscar justiça legal poderia instigar mais ataques contra sua comunidade. Então ela decidiu não levar o caso a tribunal.

Fé e superação 

A fé em Cristo não nos protege do sofrimento ou da dor. De fato, as Escrituras nos asseguram que nossa fé em Jesus frequentemente trará sofrimento. Como escreveu o apóstolo Pedro: “Não se surpreenda com as provações ardentes pelas quais está passando, como se algo estranho estivesse acontecendo com você.

Em vez disso, essas provações fazem você se associar a Cristo em seu sofrimento, para que você tenha a maravilhosa alegria de ver a glória dele quando for revelada a todo o mundo”(1 Pedro 4: 12–13, NLT ). Nosso instinto natural é evitar a dor, mas quando Jesus predisse sua crucificação, ele vinculou seu sofrimento diretamente ao nosso discipulado.

“O Filho do Homem deve sofrer muitas coisas. . . e ele deve ser morto e no terceiro dia ressuscitado (…) Quem quiser ser meu discípulo deve negar a si mesmo, tomar sua cruz diariamente e seguir-me” (Lucas 9: 22–23).

“Os primeiros ouvintes de Jesus conheciam a cruz apenas como o instrumento definitivo de tortura, humilhação e sofrimento. Seguir Jesus significa negar a nós mesmos e permitir que Cristo trabalhe em bênçãos e provações. Significa suportar o sofrimento e a perseguição do mundo como Jesus fez”, observa a Bíblia de Estudo da África.

Seguir nosso Senhor crucificado significa segui-lo de bom grado em maus-tratos, rejeição e sofrimento. “Se o mundo te odeia, tenha em mente que ele me odiou primeiro”, Jesus disse a seus discípulos (João 15:18).

Ele também disse: “Você será entregue para ser perseguido e morto, e você será odiado por todas as nações por minha causa” (Mt 24: 9). Jesus voluntariamente e resolutamente absorveu maus tratos e sofrimentos em seu ministério e na cruz.

De fato nosso conhecimento de Cristo será incompleto se não estivermos dispostos a experimentar sofrimento. Considere o que Paulo disse: “Quero conhecer a Cristo. . . Quero sofrer com ele, participando de sua morte ”(Filipenses 3:10, NLT). Existe um conhecimento único de Cristo que só podemos obter se caminharmos em tempos de sofrimento.

*Da Redação, com informações de Christianity Today 

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Em agosto, 16º Fórum de Ciências Bíblicas

Com o tema “A Bíblia para as novas gerações”, evento será realizado nos dias 13 e 14 de agosto, no Centro de Eventos de...

Expoevangélica 2020 é adiada para dezembro

Neste ano, a Expoevangélica celebra 15 anos e pretende realizar uma grande festa em Fortaleza (CE).

Plugue-se

Juliano Son canta “Nada mudou”, do EP Tudo Novo

Canção é o quinto e último single do projeto musical Tudo Novo, de Juliano Son

Kemuel e o fenômeno da música “Algo Novo”

Com quase cinco milhões de vies no Youtube, "Algo Novo", tem impactado a vida de muita gente e diversos testemunhos de cura 

“Quando o sol se põe” estreia dia 22, na Netflix

Filme é uma boa opção para todas as pessoas, independente da religião. Entre os atores de “Quando o Sol se Põe” estão a cantora Priscilla Alcantara, Lu Alone, Filipe Lancaster e Lito Atalaia

Denzel Washington e seu encontro sobrenatural com o Espírito Santo

O ator é bem conhecido por interpretar o papel de Malcolm X - um filme biográfico relacionado às atuais tensões raciais nos Estados Unidos e o Livro de Eli