23.9 C
Vitória
sábado, 27 novembro 2021

“Estamos nas mãos do Senhor”, diz pastor de onde vulcão explodiu

A erupção vulcânica em La Palma, na Espanha devastou casas e deixou milhares de desabrigados. Igrejas da região oferecem ajuda e apoio espiritual

Por Priscilla Cerqueira

O vulcão La Cumbre Vieja que está em erupção desde domingo nas ilhas Canárias de La Palma, na Espanha, já destruiu mais de 160 casas. Seis mil pessoas foram evacuadas em quatro municípios. Segundo o pastor Pedro Ángel Rodríguez, que dirige a Igreja Batista de La Palma, a população sente o impacto de uma erupção que não acontecia desde 1971.

“Estamos profundamente preocupados pensando nos danos materiais, muita gente vai perder tudo. Nosso local de culto fica a cerca de 7 quilômetros de onde aconteceu a primeira erupção, está afetando muitas pessoas das igrejas que vivem na zona”, disse o pastor ao site de notícias Protestante Digital.

Após 48 horas depois de explodir pela primeira vez, cinco rachaduras expelem toneladas de lava. A destruição pode ser vista através de imagens aéreas capturadas pela polícia, como tudo é destruído sob uma língua de lava avançando a mais de 1.000 ºC graus de temperatura: casas, estradas, infraestruturas.

“Um jovem de nossa igreja mora no bairro de Puerto Naos, um lugar costeiro que foi isolado. Embora quisesse ir buscar seus pertences, não pôde mais fazer isso por causa da evacuação ”, explicou o pastor, que também é representante do Conselho Evangélico das Ilhas Canárias.

Ajuda da igreja e apoio espiritual

Na ilha, onde o vulcão explodiu existem sete locais de culto, distribuídos por vários municípios, povoados por 85 mil pessoas. Segundo o pastor, as três igrejas batistas da região ainda não foram afetadas pela erupção.

A própria igreja está oferecendo apoio não só aos membros como a comunidade em geral. “Já tínhamos um banco de roupas e alimentos, trabalhando com a prefeitura, mas agora estamos pedindo aos cristãos que ajudem dando produtos de higiene e roupas leves. Essas são as necessidades mais urgentes no momento. Muitos perderam suas casas e pertences, e isso gera grande ansiedade. Temos que estar disponíveis para eles”, diz Rodríguez.

A igreja também tem feito um acompanhamento espiritual às pessoas. “Queremos transmitir calma, tranquilidade e confiança, porque estamos nas mãos do Senhor em todos os momentos. Queremos compartilhar que Deus sabe o que está acontecendo, e Ele nos protegerá, ou nos dará a força para deixar ir e confiar na sua misericórdia, seja para viver ou morrer”.

Veja o vídeo da lava do vulcão invadindo

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se