26.9 C
Vitória
terça-feira, 31 março, 2020

Pastor Koh: Investigação não será prioridade

- Continua após a publicidade -

Mais lidas

Organização das Olimpíadas faz parceria com OMS

Governo do Japão e promotores dos Jogos de Tóquio estreitam laços com a Organização Mundial da Saúde para que coronavírus não comprometa em 2021

Elenco do Barcelona vai reduzir salários em 70%

Em comunicado oficial, Messi informou que o elenco do clube reduzirão seus salários em 70% enquanto continuar o estado de alarme na Espanha

Rivaldo lança campanha para arrecadar alimentos

Rivaldo, usou sua rede social para propor um desafio aos seus amigos para ajudar as famílias que não tem o que comer na quarentena

Presidentes do Paraguai, El Salvador e Guatemala pedem a proteção de Deus

A América Latina se prepara para o Covid-19: "É claro que vamos orar!". Saiba mais! Quando o epicentro da pandemia do Covid-19 passou da China...

Governo anunciou composição de uma força-tarefa que vai investigar o caso do pastor Koh. Mas a composição não agradou às famílias. Investigação do pastor não será prioritária

O Ministério do Interior da Malásia anunciou os nomes dos membros da força-tarefa especial estabelecida para investigar as conclusões da Comissão de Direitos Humanos (Suhakam), segundo as quais o braço especial da polícia (Bukit Aman) estava envolvido no desaparecimento forçado do pastor Raymond Koh e do ativista Amri Che Mat.

O Ministério também anunciou que investigaria o caso de Amri Che Mat primeiro e retardaria o caso do pastor Koh, devido a um caso pendente contra Lam Chang Nam, acusado de extorquir o filho do pastor Koh. No entanto, advogados da família Koh apontam que já foi esclarecido pelo antigo Inspetor Geral de Polícia que Lam Chang Nam não tem nenhum envolvimento no sequestro do pastor Koh.

Em abril, o ministro de assuntos internos da Malásia, Tan Sri Muhyiddin Yassin garantiu a abertura de uma comissão de inquérito para investigar o caso

Segundo os advogados, os casos não estão relacionados e deveriam ser analisados paralelamente. A família Koh aponta que já foi permitido que a polícia, um dos alvos da investigação, usasse o caso contra Lam Chang Nam para pausar temporariamente o inquérito da Suhakam no começo deste ano e que não deveria obstruir o trabalho da justiça de novo.

A família Koh afirmou que “é importante que os casos de Amri e de Raymond sejam investigados juntos, pois há muitas evidências factuais semelhantes e o mesmo modus operandi, veículos parecidos, assim como o mesmo policial do Bukit Aman (polícia especial) estava encarregado de ambas as investigações”.

Resultado adiado 

A força-tarefa especial tem seis meses para investigar o caso e produzir um relatório a ser entregue ao Ministério do Interior e ao gabinete (quadro de oficiais do alto escalão do Executivo). Mas, se a investigação do caso de Lam Chang Nam levar mais de seis meses, uma extensão do prazo será considerada.

O ministro do Interior ressaltou que a força-tarefa especial não é uma Comissão Real de Inquérito, o que permite à investigação permanecer confidencial até a publicação do relatório, que será anunciado por interesse público. Ele disse: “Não queremos nenhuma pressuposição de que essa força-tarefa seja a polícia investigando a polícia, é por isso que temos um juiz da Alta Corte liderando-a”.

Entretanto, as famílias de Amri Che Mat e do pastor Koh apresentaram suas objeções à composição da força-tarefa especial. Ambas as famílias estão felizes com o fato de o governo dar passos para formar essa força-tarefa especial, mas expressaram profunda preocupação com a composição da mesma, o que pode impactar a autonomia e imparcialidade necessárias para uma investigação digna de confiança.

*Com informações de Portas Abertas


LEIA MAIS

Pastor Koh: Conclusões do inquérito só em abril
Pastor da malásia continua desaparecido
Pastor Raymond Koh está a mais de um ano desaparecido

- Continua após a publicidade -

Revista Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Live: “As perguntas cruciais a serem respondidas na crise”

Um dos 25 melhores CEO’s dos EUA, Craig Groeschel fará nesta quinta-feira (02), às 10h30, uma Live exclusiva para o Brasil com tradução simultânea

26 de março: live – Como inovar na igreja em tempos de disruptura

Nesta quinta (26), as 19h, vai acontecer a primeira live da série "O efeito da liderança na crise” com Josué Campanhã, diretor da Envisionar e Thiago Faria

Novo Som faz show online

Devido a quarentena por causa do coronavírus, a banda vai estar ao vivo no sábado (28) a partir das 20h. Será transmitido pelo Instagram e Facebook

Coronavírus: Os eventos evangélicos que já foram cancelados

Devido a pandemia que se instalou no país por conta da Covid-19, muitos eventos evangélicos foram cancelados, suspensos ou adiados. Confira!

Receber notícias

Gostaria de receber notícias em primeira mão? Assine gratuitamente agora:

Plugue-se

Gospel Challenge: o desafio do melhor clipe! Aberta votação

Projeto inédito realizado pela Sony Music, o Gospel Challenge, que vai até 24 de abril, traz vários desafios para os cantores. Público também pode escolher o melhor clipe por votação. Saiba como!

“Superação” é o 10º álbum de carreira de Damares

"Superação" é o primeiro projeto musical no formato digital de Damares. Novo álbum terá 12 faixas. E já está disponível nas plataformas de streaming

Programas on-line para mentoreamento de homens e mulheres

Ministérios vão transmitir série de lives com objetivo de fortalecer as famílias e oferecer aos pastores, líderes e cônjuges ferramentas para o cuidado intencional, discipulado e mentoreamento

Vem aí o Festival de Cinema Cristão 2020

Entre as novidades do Festival desse ano estão a abertura para a categoria de filmes para surdos e mudos. Inscrições começam dia 1º de abril e vão até 30 de junho