20 C
Vitória
terça-feira, 24 novembro 2020

Existem passagens na Bíblia que são erradas de serem aplicadas a nós hoje?

Leia também

País quer elevar comércio com a Índia, diz Guedes

"Nossos olhos brilham como vemos acordos como o da Ásia, que integram toda a região", afirmou o ministro da economia

PF faz ‘maior operação do ano’ contra o tráfico

Durante as investigações, que começaram em 2017, foram apreendidas 50 toneladas de cocaína nos portos do Brasil, da Europa e da África

Bolsonaro lamenta alta de preços de alimentos

O presidente ressaltou que sem medidas do governo federal, como a ajuda para pequena empresas e o auxílio emergencial

“É preciso reconhecer o que é permanente e válido para nós, e o que é temporal, local e cultural”

Sim, certamente sim! Este assunto é delicado, e reconhecemos isto, mas há muitos teólogos cristãos, comprometidos realmente com as Escrituras, que reconhecem que há limites para a aplicação de determinadas passagens bíblicas ao nosso contexto, até pelo fato de muitos preceitos bíblicos brotarem de contextos históricos e culturais muito diferentes do nosso e, portanto, serem aplicáveis apenas àqueles contextos e àquele momento histórico.

Particularmente, estou convencido de que doutrinas fundamentais da fé cristã são universais, atemporais e aplicáveis a qualquer povo em qualquer cultura, mas reconheço também que há muitos preceitos eclesiais, que praticamos em nossas igrejas, que são construtos nossos, e que precisam ser relativizados e revistos.

Consideremos, por exemplo, a questão de usos e costumes, motivo de muita polêmica em nossas igrejas. Baseando-se equivocadamente em determinadas passagens da Bíblia, muitos líderes assumiram uma postura excludente em relação a cristãos no interior de diversas denominações. Infelizmente, não poucas pessoas sofreram com isto, e a Bíblia foi (e ainda é em alguns casos) usada para legitimar determinadas posturas nesse sentido.

Outra aplicação histórica de passagens bíblicas que vem sendo feita, a meu ver, de maneira muito equivocada, é a que envolve a questão do divórcio. Baseando-se em passagens como Mateus 19 e Deuteronômio 24, muitos cristãos condenam ao Inferno pessoas que se divorciaram e casaram novamente, quando estes textos nem estão realmente falando de divórcio como conhecemos em nossa cultura. Nesta hora, é necessário distinguir entre o que é preceitual e entre o que é local, específico e atrelado àquele momento histórico. É o que se chama na Exegese de Sitz im leben, o “lugar vivencial” que dá origem ao texto bíblico.

Neste último caso, na questão do divórcio, o preceito é claro e é permanente: a vontade de Deus é que o casamento nunca acabe, como Jesus diz em Mateus 19: “O que Deus uniu não separe o homem”. O problema começa daí para frente quando criamos uma série de preconceitos, abordagens reducionistas e assumimos posturas excludentes em relação às pessoas que passaram por isto em nome de “defender a Bíblia”. Por isto, concluo dizendo que é preciso reconhecer o que é permanente e válido para nós, e o que é temporal, local e cultural. A Bíblia nos apresenta as duas coisas. A distinção se dará mediante a leitura constante e estudo sério, usando ferramentas da Hermenêutica e da Exegese.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Qual o paralelo de Elias e Moisés para os dias atuais?

Pergunta anônima Moisés recebeu do Senhor a incumbência de libertar seus irmãos da escravidão egípcia e conduzi-los à terra prometida. Ele escreveu as leis entregues...

Como demonstrar o amor de Cristo em meio a desastres?

Pergunta anônima Estamos vivendo dias em que a compaixão é aquilo que precisa nos mover. No livro de Marcos 10:42-43, nos diz que Jesus nutria...

Caso de violência doméstica na igreja. Como agir?

"Quem deveria protegê-las, amar e respeitar não o faz." Os índices de violência doméstica são alarmantes e ocupam o noticiário quase todos os dias. Esse...

Cristãos podem ser a favor da legalização da maconha?

"É impensável imaginar um traficante que faça um CNPJ para vender maconha" Ser favorável à legalização da maconha para fins recreativos sobre argumentos de redução...

Tudo na Bíblia pode ser aplicado a nós hoje?

"Os princípios divinos são imutáveis" A Bíblia Sagrada é um livro de princípios com verdades aplicáveis a todas as pessoas em todas as épocas (Rm. 15:4)....

Como deixar de ser um cristão carnal?

"A única maneira de se afastar da carnalidade é negar a si mesmo" Quando Paulo alerta sobre as obras carnais, usa uma palavra figurada. Na...

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Seminário de ciências bíblicas em edição virtual; começa hoje

Realizado há 20 anos pela Sociedade Bíblica do Brasil, evento incentiva o estudo e capacita líderes sobre o uso da Bíblia.

Grandes artistas do Brasil no “BH profetiza”

Realizado pela cantora Camila Campos, O BH profetiza vai reunir diversos cantores, entre eles Weslei Santos, Gai Sampaio, pastora Helena Tannure e outros. Evento será transmitido ao vivo, nesta terça-feira, 17 

Conferência pastoral Fidelidade Extrema

Realizado pela Associação Evangelística Billy Graham, a Conferência começou hoje, 13 e vai até amanhã. Saiba mais!

A esperança não decepciona! Live DIP 2021 é hoje

A Missão Portas Abertas fará Live de lançamento do DIP 2021, hoje, às 19 horas para dar detalhes sobre o Domingo da igreja Perseguida. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

Deive Leonardo grava última série do ano: Confira!

Gravação será no dia 12 de dezembro, em São José do Rio Preto (SP). Saiba mais!

Bíblia 365! Leitura em um ano da Palavra de Deus

Editora Mundo Cristão lança "Bíblia 365", diagramada especialmente para a leitura em um ano Acaba de chegar ao Brasil a Bíblia 365, lançamento da Editora...

Leonardo Gonçalves e seu “Sentido”

Projeto reúne canções que marcaram os primeiros 20 anos da vida do artista e ainda homenageia músicos que o ajudaram em sua formação e carreira musical

“Força pra encarar”, em prol da consciência negra

Os cantores Leidy Murilho, Talita Barreto e Asaph, da Sony Music se uniram pra cantar uma canção em prol da consciência negra