24.9 C
Vitória
quarta-feira, 27 outubro 2021

Parte 02: Os 7 erros da benção dos pais

Mais Artigos

Erro 02:  Ser repetitivo 

Por Fábio Hertel

Criar filhos requer muita sabedoria. Além disso, há uma série de equívocos que mesmo os mais atentos pais cometem por não saberem como agir diante de situações novas ou desafiadoras. Por isso, reunimos os sete erros mais comuns da benção dos pais na criação dos filhos. Os textos serão publicados em Comunhão em forma de série.

Quem não se comunica…não abençoa

Se você está lendo este artigo, certamente é porque ama seus filhos ou se interessa pelos princípios da Bíblia. O que eu e você precisamos entender é que a prática da Bênção dos pais é um fundamento bíblico. É como se participássemos da construção da vida de nossos filhos e as abordagens psicológicas, sociológicas, teológicas e até as que são fruto de nossas experiências fossem importantes tijolos da edificação. Mas tudo isso estaria comprometido se não estivessem alicerçados no fundamento da Bênção.

O processo de abençoar está intimamente ligado aos aspectos da comunicação. Quando olhamos para o modelo bíblico, a Bênção está atrelada à uma fala, à uma declaração, à uma verbalização. A Bênção neste sentido, não é um sentimento ou um pensamento. Você pode e deve pensar coisas positivas e nutrir sentimentos afetuosos por seus filhos, mas isso ainda não seria uma Bênção. A Bênção é um ato corajoso de expressar um desejo claro que aponta para um futuro glorioso que, muitas vezes, ainda não tem nada a ver com a realidade atual. É declarar a vontade de Deus para seus filhos. Quais são os sonhos de Deus para a vida de seus filhos? Então será isso que eles ouvirão de seus lábios.

O que comunica é o que emociona

Na minha lida profissional, aprendi que o que comunica é o que emociona. Neste sentido a propaganda, a informação ou a Bênção insistentemente repetitiva não emociona mais e por isso, não causa nenhuma transformação. Sabe aquela peça de comunicação muito legal, mas que por se repetir acaba “virando paisagem”. Pense numa pintura linda, um poema inspirado escrito na parede de um hall, um incrível anúncio numa placa de estrada. Pelos aspectos exuberantes como foram criados podem te causar algum impacto. Mas depois de dias, meses ou anos essas peças já não te emocionam tanto assim. Ficarão estáticas, não causando mais nenhuma emoção, portanto não comunicarão mais. Viraram paisagem.

A Bênção nova de cada dia

A dica de um milhão de almas é: seja criativo ao abençoar. Nós somos tão criativos nos negócios e nos relacionamentos amorosos, não é mesmo? Por que não exercitarmos nossa criatividade ao abençoar? Saiba que a criatividade nasce de um coração apaixonado e como amamos profundamente nossos filhos as Bênçãos que nascem no Trono de Deus fluirão através de nós pais e criarão realidades exuberantes na vida de nossos filhos.

E por falar em criatividade, inove também nos métodos. Grave áudios inspiradores e vídeos encorajadores quando não for possível abençoar presencialmente ou apenas para demonstrar seu cuidado.

Treine abençoar, até se tornar natural

Com o treino, rios de águas vivas fluirão através de você. Pela experiência sinto quando o “golpe” da Bênção entra. E geralmente acontece quando estou de frente para uma de minhas filhas, olhando atentamente em seus olhos, ministrando algo novo, contextualizado, poderoso e encorajador. Nunca percebo este fluir quando repito Bênçãos como se fossem uma reza automatizada.

Que Deus te unja com um espírito criativo que ministrará Bênçãos novas e frescas todos os dias e que alcançarão o coração de seus filhos.

Descubra o próximo erro abaixo:

Fábio Hertel é Bacharel em Teologia, psicanalista clínico, pós-graduado em Marketing e uma história recheada de empreendedorismo, criativo, boas estratégias e conhecimentos sobre negócios.

Para saber mais sobre este assunto acesse:  fluir.bencaodiaria.com.br/7erros @fabioherteloficial

- Publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Entrevistas