25 C
Vitória
terça-feira, 31 março, 2020

“Ela não estaria aqui se não fosse pelas orações”, diz mãe de Demi Lovato

- Continua após a publicidade -

Mais lidas

Atletas mantêm vagas para os Jogos Olímpicos em 2021

COI confirmou que os atletas já classificados para os Jogos Olímpicos tem vaga assegurada. A nova data do evento será de 23 de julho a 8 de agosto de 2021

Consultor da Red Bull queria que os pilotos pegassem a COVID-19

O conselheiro de automobilismo da Red Bull, Helmut Marko, queria que os pilotois de formula 1 de sua equipe, fossem infectados com o COVID-19

McLaren vai produzir 10 mil ventiladores respiratórios

Equipe de Fórmula 1 disponibilizou a fábrica de carros junto com outras empresas para fabricar equipamentos médicos para ajudar as vítimas da Covid-19

Abertura dos jogos olímpicos acontecerá em julho de 2021

Os Jogos Olímpicos de Tóquio têm nova data definida para serem realizados: de 23 de julho a 8 de agosto de 2021 na capital japonesa

A mãe da cantora pop americana falou pela primeira sobre a overdose que a filha sofreu em julho. Ela confirmou que Demi Lovato tinha problemas com drogas

Em entrevista à emissora americana Newsmax TV, a escritora Dianna De La Garza, mãe da cantora Demi Lovato, disse que tinha permissão da filha para falar sobre o incidente e relembrou o dia em que a filha foi hospitalizada.

“Mensagens começaram a chegar: ‘Acabei de ouvir a notícia, sinto muito, estou orando pela sua família, estou orando por Demi’. Eu fiquei em choque, tipo, o que está acontecendo? Meu coração desmoronou”.

Ela conta que antes que pudesse ler alguma notícia sobre o que havia acontecido com a filha, a assistente de Demi, Kelsey, ligou. “As palavras que saíram da sua boca são difíceis de ouvir como pais. Ela disse: ‘Demi teve uma overdose’. Eu fiquei em choque, não sabia o que dizer, era algo que eu nunca esperava ouvir como mãe sobre nenhum dos meus filhos”, relata.

De La Garza levou suas outras filhas para o pronto-socorro do Centro Médico Cedars-Sinai, em Los Angeles, onde Demi estava internada.

“Ela estava em má forma, mas eu disse a ela: ‘Demi, eu estou aqui, eu te amo’. E nesse momento, ela disse para mim: ‘Eu também te amo’. Daquele ponto em diante, eu não me permiti pensar que as coisas não iriam ficar bem… Nós simplesmente ficamos dois dias sem saber ela iria ficar [bem] ou não”, ela conta.

A mãe da cantora ainda afirmou que sua filha sobreviveu graças ao poder da oração. “Eu sinto que a razão pela qual ela está viva hoje é por causa das milhões e milhões de orações que subiram [ao céu] naquele dia em que todos descobriram o que estava acontecendo”, disse ela. “Eu acho que ela não estaria aqui se não fosse por essas orações”.

Depois de ter sofrido a overdose, De La Garza disse que Demi está se recuperando bem. “Ela está feliz, ela está saudável, está trabalhando em sua sobriedade e recebendo a ajuda que precisa — e isso, por si só, me encoraja sobre o futuro dela e de nossa família”, disse ela.

Vício em drogas

Demi já falou abertamente sobre sua luta contra o uso de drogas. Em junho, ela lançou uma música chamada “Sober”, que falava sobre uma recaída após seis anos de sobriedade. Na música, ela pedia desculpas por decepcionar sua família e fãs.

Em agosto, a cantora quebrou seu silêncio nas mídias sociais: “Sempre fui transparente sobre a minha jornada com o vício. O que eu aprendi é que esta doença não é algo que desaparece ou some com o tempo. É algo que eu devo continuar a superar e ainda não consegui”.

Ela continuou: “Quero agradecer a Deus por me manter viva e bem. Aos meus fãs, sou eternamente grata por todo o seu amor e apoio ao longo desta semana e além. Seus pensamentos positivos e orações me ajudaram a navegar neste momento difícil”.

*Com informações de CBN News

Leia mais

“Pedi a Deus para aliviar essa obsessão”, disse Demi Lovato sobre cura de vícios

- Continua após a publicidade -

Revista Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

26 de março: live – Como inovar na igreja em tempos de disruptura

Nesta quinta (26), as 19h, vai acontecer a primeira live da série "O efeito da liderança na crise” com Josué Campanhã, diretor da Envisionar e Thiago Faria

Novo Som faz show online

Devido a quarentena por causa do coronavírus, a banda vai estar ao vivo no sábado (28) a partir das 20h. Será transmitido pelo Instagram e Facebook

Coronavírus: Os eventos evangélicos que já foram cancelados

Devido a pandemia que se instalou no país por conta da Covid-19, muitos eventos evangélicos foram cancelados, suspensos ou adiados. Confira!

Oficina sobre comicidade no ambiente hospitalar

O Lacarta Circo Teatro abre inscrição para palhaço hospitalar. A oficina acontecerá dia 14 e 15 de março das 09h às 16h, na sede...

Receber notícias

Gostaria de receber notícias em primeira mão? Assine gratuitamente agora:

Plugue-se

Programas on-line para mentoreamento de homens e mulheres

Ministérios vão transmitir série de lives com objetivo de fortalecer as famílias e oferecer aos pastores, líderes e cônjuges ferramentas para o cuidado intencional, discipulado e mentoreamento

Vem aí o Festival de Cinema Cristão 2020

Entre as novidades do Festival desse ano estão a abertura para a categoria de filmes para surdos e mudos. Inscrições começam dia 1º de abril e vão até 30 de junho

Um encontro diário com a Palavra de Deus

A SBB mobiliza-se para levar esperança à população brasileira, disseminando, pelos meios digitais, a mensagem da Bíblia Sagrada. Entre as ações estão a campanha #PalavradeEsperança e o podcast Um minuto com a Bíblia

Como a pandemia deve ser encarada pelos cristãos?

“Creia no sobrenatural de Deus”, diz médica cristã, ao falar sobre o medo do coronavírus e como os cristãos devem encarar a pandemia