30 C
Vitória
terça-feira, 7 abril, 2020

Pela primeira vez, ONU terá mulher latino-americana na presidência

- Continua após a publicidade -

Mais lidas

PIB da China deve ter no 1º trimestre a primeira queda em 40 anos

O Produto Interno Bruto (PIB) da China deverá registrar no primeiro trimestre a sua primeira queda em quarenta anos, mostra o estudo "Perspectivas do Desenvolvimento Econômico Chinês pós-Covid-19 e impactos para a economia brasileira"

Morre o pai do pastor Cláudio Duarte

Em sua conta no instagram, Cláudio Duarte lamentou a morte do pai, Hartenor Leopoldino Duarte, 87 anos

Boris Johnson é transferido para UTI

O líder conservador, Boris Johnson, 55 anos, anunciou em 27 de março que seu teste para o coronavírus tinha dado positivo O primeiro-ministro britânico Boris...

Plataforma Inteligente no combate ao coronavírus no ES

O Centro de Comando e Controle para Ações e Prevenção ao Coronavírus no Estado do Espírito Santo lançou uma Plataforma Inteligente contra a Covid-19. Saiba mais!

Chanceler do Equador foi eleita nessa terça-feira (05) e ocupará o cargo a partir de setembro

María Fernanda Espinosa é a nova presidente da Organização das Nações Unidas (ONU). A chanceler do Equador foi eleita nessa terça-feira (05), após disputar o cargo com a hondurenha María Elizabeth Flores Flake, embaixadora da organização em seu país.

Pela primeira vez, ONU terá uma mulher latino-americana na presidência. Espinosa é a quarta mulher escolhida presidente por meio de Assembleia Geral, que é um dos principais órgãos das Nações Unidas, cujos 193 Estados-membros estão presentes.

De acordo com o Monitor Digital, a chefe da diplomacia equatoriana recebeu apoio de 128 países, contra 62 obtidos pela hondurenha e assumirá o cargo a partir de setembro. Ela ocupará a presidência durante o 73° período de sessões e substituirá o eslovaco Miroslav Lajcak.

A hondurenha Maria Elizabeth Flores Flake disputou o cargo com a atual presidente. Foto: Reprodução

Durante a sua posse, a equatoriana disse que está muito feliz por representar a organização. “Agradeço profundamente o voto de confiança depositado hoje no Equador para presidir esta Assembleia”, disse.

Espinosa, de 53 anos, dedicou sua vitória a todas as mulheres do mundo que hoje participam da política e que enfrentam “ataques, machismo e discriminação”. Ela destacou que esta é “a hora de agir para consolidar a paz e prosperidade entre as gerações”.

MULHERES NA PRESIDÊNCIA

A ONU já teve três mulheres na presidência da Assembleia Geral: em 1953, a indiana Vijaya Lakshmi Pandit foi eleita; em 1969, a liberiana Angie Brooks; em 2006, foi a vez de Sheikha Haya Rashed Al -Khalifa, do Bahrein.

A Presidência da Assembleia Geral é ocupada, a cada ano, por um representante de uma determinada região do planeta e, desta vez, será a América Latina e o Caribe.

- Continua após a publicidade -

Revista Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Live: “As perguntas cruciais a serem respondidas na crise”

Um dos 25 melhores CEO’s dos EUA, Craig Groeschel fará nesta quinta-feira (02), às 10h30, uma Live exclusiva para o Brasil com tradução simultânea

Vigília online ‘Há uma Luz’: um clamor contra o covid-19

Para levar paz e esperança à população afetada pela pandemia global da Covid-19, a plataforma cristã, InChurch, organizou a vigília online “Há uma Luz” nesta quarta (1º).

26 de março: live – Como inovar na igreja em tempos de disruptura

Nesta quinta (26), as 19h, vai acontecer a primeira live da série "O efeito da liderança na crise” com Josué Campanhã, diretor da Envisionar e Thiago Faria

Novo Som faz show online

Devido a quarentena por causa do coronavírus, a banda vai estar ao vivo no sábado (28) a partir das 20h. Será transmitido pelo Instagram e Facebook

Receber notícias

Gostaria de receber notícias em primeira mão? Assine gratuitamente agora:

Plugue-se

“Deus nos poupou”, desabafa Soraya Moraes

Em suas redes sociais, a cantora Soraya Moraes fez um desabafo da cura do marido de covid-19. Ela também revelou que estar curada da doença

Vencendo o medo é tema de campanha da SBB

Nesses tempos difíceis que o Brasil e o Mundo têm enfrentado, a Sociedade Bíblica do brasil quer levar Esperança às pessoas. Por isso, foi lançada a campanha de evangelização "Vencendo o Medo", com o objetivo de compartilhar a Palavra de Esperança.

Danilo Franco traz o pop pentecostal em “Confio em Deus”

Em tempos de isolamento social, a mensagem da canção "Confio em Deus", de Danilo Franco, pode fazer grande diferença na vida de milhares de pessoas. 

Serginho, do Roupa Nova, em projeto gospel

Conhecido por integrar um dos maiores grupos musicais do Brasil, o Roupa Nova, Serginho agora lança "releituras", um projeto com louvores consagrados do meio evangélico