29.9 C
Vitória
quinta-feira, 29 outubro 2020

Governo da Nigéria reconhece o terror cometido à cristãos

Leia também

Ex-porta-voz Rêgo Barros critica Bolsonaro em artigo

No ano passado, o porta-voz passou a ser alvo de críticas de um dos filhos do presidente, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ)

Governo não planeja prorrogar GLO na Amazônia até 2022, diz Mourão

Vice-presidete apresentou nesta quarta-feira, 28, ao presidente Jair Bolsonaro o planejamento de estratégias do Conselho da Amazônia

Caiado: governadores terão reunião sobre vacina

O encontro contará com a presença dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP)

O objetivo do Boko Haram e do ISWAP é “dividir o irmão cristão do irmão muçulmano”, disse o governo de Buhari em entrevista. Confira!

O governo nigeriano concorda com o que os líderes da igreja têm reclamado há anos: os cristãos são o alvo do terrorismo jihadista.

“O Boko Haram está mirando os cristãos. Ao fazer isso, seu objetivo é dividir o irmão cristão do irmão muçulmano ”, disse Lai Mohammed, ministro da Informação e Cultura da Nigéria.

“O Boko Haram e seus aliados da ISWAP (Província Islâmica da África Ocidental) nos últimos tempos mudaram de estratégia”, afirmou o ministro.

Relembre 

No Natal ocorreu o assassinato de 11 cristãos nigerianos pelo ISWAP. Ainda mais, em 21 de janeiro, a decapitação de Lawan Andimi, pastor de irmãos e líder regional da Associação Cristã da Nigéria (CAN).

Em fevereiro de 2018, o Boko Haram sequestrou 110 alunas Dapchi. Leah Sharibu permanece em cativeiro após a não renunciar sua fé cristã. Os terroristas libertaram as outras reféns.

Em março de 2018, o ISWAP sequestrou Alice Ngaddeh, enfermeira do UNICEF e mãe de dois filhos, juntamente com outros trabalhadores humanitários. Alguns foram mortos e outros libertados, mas Ngaddeh continua sendo uma “escrava”.

Governo nigeriano 

No início do ano, o presidente nigeriano, Muhammadu Buhari, elogiou a fé do pastor Andimi, morto por terroristas. Entretanto, disse que 90% das vítimas do Boko Haram são muçulmanas. A CAN “zangada” rejeitou esta declaração e pediu ao presidente que revelasse suas fontes.

“A última declaração do governo representa um tremendo progresso, porque a Nigéria precisa andar na verdade em tempos tão difíceis”, disse Gideon Para-Mallam, ex-embaixador da África com sede em Jos na Irmandade Internacional de Estudantes Evangélicos.

Por outro lado, o Conselho Supremo da Nigéria para Assuntos Islâmicos (NSCIA) fez outra declaração. E disse que era perverso “sugerir que o Boko Haram é uma manobra para eliminar os cristãos”.

Esforços internacionais 

O comissário da Comissão Americana de Liberdade Religiosa Internacional (USCIRF), Johnnie Moore, pediu mais esforços. “O objetivo dos terroristas é limpar etnicamente o norte da Nigéria de seus cristãos e matar todos os muçulmanos que estiverem no caminho”, disse ele.

Em dezembro de 2019, o Departamento de Estado dos EUA adicionou a Nigéria à sua Lista Especial de Observação para países que praticaram ou toleraram violações graves da liberdade religiosa.

Islã na Nigéria 

O país está dividido entre muçulmanos e cristãos. Entre 2016–2018 o Afrobarometer constatou que 73% dos nigerianos acreditam que algumas ou a maioria das altas autoridades do governo federal apoiam ou ajudam grupos extremistas.

Aproximadamente 85% concordam que os militares mantêm a Nigéria a salvo de militantes e insurgentes. No entanto, 55% dos nigerianos confiavam no presidente “apenas um pouco” ou “nem um pouco”.

*Da Redação, com informações do Christianity Today

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Famílias cristãs tem patrimônio destruído no Vietnã

Por causa de sua fé, seis famílias cristãs no Vietnã tiveram o auxílio emergencial da Covid-19 negado. Logo depois, seu gado foi abatido e sua colheita queimada. Saiba mais!

Mourão reitera defesa de viés liberal do governo

Segundo o vice-presidente,o País prevê exportar cerca de 30 milhões de toneladas de açúcar e 3 bilhões de litros de etanol neste ano

China e Cuba nos Direitos Humanos da ONU?

Apesar da perseguição religiosa, China e Cuba entram no Conselho de Direitos Humanos da ONU. Saiba mais!

Igrejas incendiadas no Chile: “repudiável”, diz Marco Cruz

O secretário-geral da Portas Abertas, chamou os ataques as igrejas do Chile no domingo, 18, de "reprovável". Saiba mais!

Mundo chega a mais de 40 milhões de contaminações por covid-19

O aumento do número de infecções pode ser explicado em parte pela elevação do número de testes de diagnóstico em alguns países

Reino Unido: Igrejas pedem perdão de dívidas do governo

Diversas Igrejas do Reino Unido se uniram para pedir ao governo que perdoe dívidas das famílias afetadas pela pandemia. Saiba mais!

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

Semana dos manuscritos do Mar Morto; Saiba mais!

Arqueólogos e especialistas vão apresentar um dos mais impactantes achados da humanidade, na semana dos manuscritos do Mar Morto. Evento, que começa nesta segunda,19, é gratuito!

Live Solidária “Um Com Eles” em Libras

A live solidária, realizada pela Portas Abertas, será transmitida pelo Facebook, e estará acessível a todos que entendem a língua brasileira de sinais. Saiba mais!

Desafio Superação em corrida virtual; É neste domingo, 18

Em alusão ao Outubro Rosa, o Desafio Superação vai mobilizar mulheres cristãs de todo o Brasil em prol da saúde. Saiba mais!

Vovô Raul Gil recebe artistas gospel em live; Saiba mais

A live gospel do Vovô Raul Gil será no dia 21 de outubro e vai reunir personalidades e artistas evangélicos. Saiba mais!
- Publicidade -

Plugue-se

Nova fase da Academia da Bíblia SBB

Com novos cursos, o projeto de capacitação bíblica da SBB deseja auxiliar o cristão no estudo aprofundado da Palavra de Deus. Saiba mais!

Clovis Pinho, o que vem por aí?

Novo single de Clovis Pinho deve chegar ao mercado em novembro. Saiba mais!

“Sentido” é o novo álbum musical de Leonardo Gonçalves

Gravado em Praga, na República Tcheca, álbum conta as canções que marcaram os mais de 20 anos de carreira de Leonardo Gonçalves

Respostas simples para questões complexas sobre a fé cristã

"Cristianismo bem explicado" é o quarto livro da série da Mundo Cristão, dedicada a esclarecer pontos difíceis sobre convívio social, Bíblia e teologia.