22.1 C
Vitória
quinta-feira, 2 julho, 2020

Nick Foles: “Meu ministério acontece no vestiário”

Mais lidas

Queimada na Amazônia em junho é a maior dos últimos 13 anos

Mesmo com o Exército na região, as queimadas na Amazônia têm maior número de focos de calor no mês desde 2007

Xavantes contabilizam 32 mortos e se unem para enfrentar a covid-19

O Conselho Indígena Missionário já contabiliza 380 mortes de índios no País. Saiba mais! 

Governo prorroga restrição para entrada de estrangeiros no Brasil

Portaria que estende o prazo saiu no Diário Oficial da União de hoje. Saiba mais! 

Câmara pode votar hoje proposta que adia eleições deste ano

PEC foi aprovada na semana passada no Senado.

Fervoroso cristão, o jogador de futebol americano, Nick Foles, tem usado sua carreira para falar de Cristo por onde passa

Evangélico, Nick Foles, no seu perfil do Twitter se define como “Crente em Jesus Cristo, marido, pai, filho, irmão”. Nos últimos dias falou várias vezes sobre sua fé, dizendo, inclusive, que após encerrar sua carreira profissional, planeja se tornar pastor.

Nick é jogador do Jacksonville Jaguars, principal liga de futebol americano (NFL). Ele quebrou a clavícula esquerda no primeiro jogo como quarterback do time. Em novembro, relatou aos repórteres que conseguiu superar a grave lesão por conta de sua fé em Cristo.

Foto:

“Não era exatamente o que eu estava esperando quando cheguei ao Jacksonville. Mas eu disse: ‘Deus, se essa é a jornada que o Senhor tem para mim, eu vou Te glorificar em todas as situações, boas ou ruins’. Eu ainda posso ter alegria em uma lesão.

Quando você acredita em Jesus e sai para jogar, isso muda seu coração. Você só entende quando tem esse propósito em sua vida. A razão pela qual estou sorrindo é porque minha fé está em Cristo. Naquele momento, percebi que não precisava de um troféu para definir quem eu era, porque eu estou em Cristo”, disse Foles.

Nick Foles usa o esporte para falar de Deus para os atletas. “Meu ministério acontece no vestiário e pude conhecer pessoas através de uma lesão. Embora eu possa não estar jogando, isso é difícil do ponto de vista carnal. Mas, do ponto de vista espiritual, eu pude crescer como ser humano”.

Ministério pastoral

Em entrevista anterior, o jogador disse que planeja se tornar pastor de jovens. E já começou a estudar teologia.

“Eu quero ser pastor em uma escola. Está no meu coração. Dei um passo de fé no ano passado e me inscrevi para as aulas no seminário. Eu queria continuar aprendendo e desafiando minha fé. É um desafio, porque você está escrevendo trabalhos biblicamente corretos. Você quer impactar o coração das pessoas”.

*Com informações de Daily Wire


leia mais

Zagueiro Neto: “não desista dos seus sonhos”
Olivier Giroud: “Falo da minha fé sempre que posso”

- Continua após a publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Artistas cristãos na ação social “Eu Soul VC”

Entre os artistas cristãos confirmados estão Casa Worship, Renascer Praise, André e Felipe, Rebeca Carvalho e Leandro Borges

The send Argentina é adiado para 2021

Em comunicado, os organizadores do The Send disseram que a data exata será definida assim que o governo tiver o poder de reativar eventos maciços

Em agosto, 16º Fórum de Ciências Bíblicas

Com o tema “A Bíblia para as novas gerações”, evento será realizado nos dias 13 e 14 de agosto, no Centro de Eventos de...

Expoevangélica 2020 é adiada para dezembro

Neste ano, a Expoevangélica celebra 15 anos e pretende realizar uma grande festa em Fortaleza (CE).

Plugue-se

Denzel Washington e seu encontro sobrenatural com o Espírito Santo

O ator é bem conhecido por interpretar o papel de Malcolm X - um filme biográfico relacionado às atuais tensões raciais nos Estados Unidos e o Livro de Eli

Petição pede cancelamento de filme que descreve Jesus como lésbica

A petição, que já conta com mais de 137 mil assinaturas, é da Comissão Cristã de Cinema e Televisão internacional

Amanda Loyola lança seu primeiro single pela Sony

"Bússola" faz parte do primeiro EP da cantora pela gravadora, que conta com sete canções.

Músicos e artistas capixabas em “Carta para sociedade”

Em uma mensagem de esperança, Carta para sociedade conta com a participação de Alessandra Rangel, Jeremias Reis e outros músicos capixabas