25.9 C
Vitória
terça-feira, 26 outubro 2021

Nelson Teich pede demissão em menos de um mês no governo

Informação é do Ministério da Saúde. Coletiva de imprensa com Nelson Teich será marcada para hoje a tarde, onde será detalhado os motivos da demissão

Mais uma baixa no governo federal! O ministro da Saúde, Nelson Teich, pediu demissão do cargo na manhã desta sexta-feira (15). A notícia foi informada pelo Ministério da Saúde, por nota. Ele assumiu a pasta há menos de um mês, em 17 de abril.

O ministro esteve no Palácio do Planalto para conversar com Jair Bolsonaro às 11h. Ainda não se sabe quem vai assumir o Ministério da Saúde. Mas, segundo fontes, o secretário executivo da pasta, general Eduardo Pazuello, foi convidado para substituir Teich. Ele assume interinamente.

Porém, o ex-ministro da Cidadania, Osmar Terra também é cotado a substituir Teich, a depender da resposta de Pazuello ao convite. Teich foi convocado nesta manhã para reunião e foi exonerado a pedido por discordâncias com o presidente.

Os detalhes de sua saída do governo serão informados hoje a tarde em uma coletiva de imprensa no Ministério.

Repercussão

A imprensa internacional repercutiu a saída de Teich do governo. Virou manchete nos principais jornais de Portugal. “Cai o segundo ministro da saúde do Brasil durante a pandemia”, destaca o Diário de Notícias português.

No texto, o periódico afirma que o médico oncologista pediu demissão “por se sentir desautorizado por Jair Bolsonaro, contrário ao isolamento e favorável ao uso da não testada hidroxicloroquina”.

O jornal norte-americano The New York Times destacou logo no início do site, onde há um ao vivo sobre a pandemia do novo coronavírus, a demissão do ministro brasileiro.

“Ministro da Saúde do Brasil deixa o cargo após menos de um mês após choques com Bolsonaro”, diz a chamada. O jornal destaca ainda a demissão do ministro anterior, Luiz Henrique Mandetta pelos mesmos atritos com o presidente da República.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se