Música gospel no Réveillon de Copacabana

Foto: Reprodução

A novidade foi apresentada pelo prefeito do Rio, Marcelo Crivella. Cantora evangélica que fará a abertura do palco principal do Réveillon de Copacabana é esposa de parceiro musical do prefeito

O tradicional Réveillon de Copacabana, no Rio de Janeiro, que atrai uma multidão de todas as partes do mundo, terá uma novidade este ano. Por determinação do prefeito Marcelo Crivella (Republicanos), haverá apresentações de música gospel. O anúncio foi feito em coletiva, nesta terça (3).

“Essa ideia de mais três palcos em Copacabana não só privilegia o trânsito, mas também dá espaços à canção gospel, que é na nossa cidade o primeiro lugar disparado nas rádios. Essa música, pela primeira vez, terá palco especial para ela”, declarou Crivella, que também é pastor e cantor da Igreja Universal.

Parceiro musical

A abertura do palco principal, que fica em frente ao Hotel Copacabana Palace, ficará por conta da cantora gospel Anayle Sullivan, esposa de Michael Sullivan. Além de ser autor de muitos sucessos da MPB, ele é parceiro musical de Crivella. E já assinou várias canções, como “Eu Vejo Deus” de Crivella.

Expectativa

A prefeitura tem como meta superar o recorde de 2,8 milhões de pessoas, que estiveram presentes no Réveillon do ano passado. As quase toneladas de fogos serão lançadas de 10 balsas e a queima terá duração de 15 minutos.

Segundo a prefeitura, a estrutura vai incluir ainda 7 telões, 800 banheiros químicos, 4 postos médicos e 30 torres da polícia militar.


leia mais

Prefeito proíbe “conteúdos impróprios” e bienal
Árvore que canta 2019: Prepare-se para se emocionar!