22.4 C
Vitória
quarta-feira, 27 janeiro 2021

Uma musica errada pode fazer uma geração errar por décadas

Mais Artigos

Fazejamento

Deixe o passado no passado e avance de maneira firme e constante em direção as coisas que vêm adiante.

Feminismo segundo a TV Record

Não importam os rumos que a trama da TV Record venha a tomar, ela abre espaço para discutirmos as origens do feminismo e até onde os feminismos de hoje estão sendo positivos ou negativos para a mulher

Seria a Bíblia atual?

De fato, propor uma ética bíblica não é tarefa fácil, mas a Bíblia continua válida hoje como o foi no passado.

música-digital
Foto: Reprodução

Os Cantores querem cada vez mais, letras menores, menos profundas e mais comerciais, e é esse o Debate que quero propor aqui

Por Pastor Lucas

Meu nome é Marcos Lucas Valentin Silva, conhecido na música como Pastor Lucas, Sou pai do Gabriel e do Samuel, casado com a Thaisa á 17 anos e servimos a Deus na Comunidade Vida no Altar em nossa Cidade; Artur Nogueira SP.

Minha história na musica começa pela composição. Escrevi muitas canções que ficaram conhecidas nos últimos anos:

Casa do Pai, Tu Podes, Cicatrizes, Vai Passar, Depois da Cruz, Eternidade, Fé e razão entre muitas outras. Tenho mais de 200 Obras Gravadas por Artistas Cristãos.

Venho compondo á 20 anos e minha vida inteira foi marcada pela música. Existem musicas que me fazem lembrar um lugar, uma frase, um cheiro, uma abraço, um choro, um sorriso e até mesmo ensinamentos que aprendi durante a vida.

Nos últimos anos, tenho visto uma involução musical, do ponto de vista da mensagem Cristã. Os Cantores querem cada vez mais, letras menores, menos profundas e mais comerciais, e é esse o Debate que quero propor aqui.

Em todas as Culturas, a Musica é usada para marcar tempos, estabelecer comportamentos e plantar na alma das pessoas algo que as mova. No caso da Musica Cristã, carregamos um legado de anunciar o evangelho através das poesias e melodias e nesse ponto, percebo que houve em algum momento uma mudança estrutural nas canções, onde essa mensagem vem aos poucos sendo comprometida.

Ao ler as letras das cações, tenho observado que ao invés de Deus nos comunicar sua vontade, passamos a comunica-lo a nossa vontade, ao invés de anunciarmos ao mundo sobre o Amor extraordinário de Deus, passamos a anunciar para Deus o tamanho do nosso amor por Ele.

Acredito que não é um ato intencional, mas simplesmente um reflexo da alma da nossa geração.

Temos uma geração de muitos Órfãos, de muitos feridos, de muitos depressivos, e automaticamente, começamos a transportar nossas almas para música. Estamos tentando o tempo inteiro fazendo elogios superficiais para Deus, e também tentando comunica-lo sobre o quanto nós o amamos, na perspectiva de sermos aceito por Ele, já que muitos de nós fomos rejeitados por alguém durante a vida.

Mas se o Evangelho, transformou as mais perdidas gerações, abalou os mais terríveis governos, e curou os muitos enfermos, e salvou muitos perdidos ao longo dos séculos… então porque não voltamos a cantar o Evangelho?

Precisamos fazer essa geração acreditar de uma vez por todas, que são amados e que foram perdoados, porque caso o contrário, passaram uma vida, buscando aquilo que já foi lhes dado.

Minha reflexão não para dizer que essa geração, fracassou musicalmente, de forma alguma, minha reflexão, é para que possamos reavaliar a mensagem que vamos anunciar nas próximas décadas, pois se anunciarmos a mensagem errada, faremos uma geração inteira errar por décadas.

Eu já cheguei a questionar a mim mesmo se eu não estava tendo uma crise de meia idade, ou se eu não estava tendo um sentimento saudosista. Mas cada vez que vou nas playlist de lançamentos, percebo que fica cada vez mais claro uma ameaça a mensagem certa.

Por isso Clamo aos escritores de todo o Brasil, que tenhamos cuidado, pois hoje em nossa cultura e liturgia de culta, a Música se não está em igualdade com o momento da palavra,  em algumas culturas ocupa até mais espaço, e isso é um indicador que canções podem trazer Doutrinas errôneas que produzem comportamentos errôneos.

De qualquer forma, eu sou grato a Deus por me permitir estar na música, sou apreciador dela, fui transformado por ela e agora posso transformar pessoas através dela. Que Deus abençoe cada compositor e ministro do nosso tempo, que possamos andar em revelação, e em interpretação correta do que Deus está desejando fazer.

Deus abençoe a todos.

Marcos Lucas Valentin Silva (Pastor Lucas)

- Publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Lideranças religiosas protocolam pedido de impeachment contra Bolsonaro

Documento é assinado por 380 pessoas ligadas a diferentes denominações evangélicas, além da igreja católica e de 17 movimentos cristãos. Saiba mais!

Debate nos EUA: Transgênero na pauta de Biden

Presidente americano revogou decisões de Trump que proibia a atuação de transgênero nas Forças Armadas. Saiba mais!

Pandemia faz Brasil registrar recorde de mortes

Elevação em 2020 foi a maior registrada desde 1999, início da série histórica das estatísticas de mortes no país. Saiba mais!

O exemplo de jovens cristãos no combate à dengue

Em Palhoça (SC), jovens cristãos, do projeto Missão Calebe, da Igreja Adventista, fizeram uma campanha contra a dengue. Saiba mais!

Entrevistas

Ilma Cunha: depressão e ansiedade na pandemia

Já viu como tem gente deprimida e ansiosa à nossa volta? As doenças da alma ganharam força total nesta pandemia. Confira a entrevista!

Entrevista com o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande

“O melhor dos cenários para 2021 é com vacina” "O melhor dos cenários para 2021 é com vacina” Por Luciene Araujo “Vamos andar mais rapidamente que o...

Papai Noel – O que ele tem a dizer?

Comunhão “conversou”com “Papai Noel”. Numa entrevista fictícia, ele explica os símbolos e significados do Natal e porque seu personagem tomou o lugar de Jesus...

Mirna Borges: Finanças, planejamento e controle

Uma das principais influenciadoras de finanças no Brasil, Mirna Borges, dá dicas de como sair do vermelho, acertar as contas e ter uma vida mais próspera com o dinheiro, através de princípios bíblicos. Confira!