Mulher – O mal não a alcançará

Foto: unsplash.com

Não estamos seguras porque nos agarramos em Jesus, mas porque Ele é quem nos guarda.

Não é raro encontrarmos pessoas que, apesar de serem salvas em Jesus Cristo e servirem a Deus, preocupam-se e chegam até a afligirem-se com pensamentos sobre a influência do maligno sobre sua vida, sobre sua casa, sobre o que lhe pertence.

Alguns sentem-se inseguros para lidar com situações que possam envolver batalhas espirituais. Amedrontam-se e não raro ficam perturbados quando têm conhecimento de pessoas, lugares  ou objetos que tenham qualquer interação com o que possa ser impuro, seja em questões pessoais ou quando se refere a pessoas que buscam libertação.

Em várias passagens bíblicas do Novo Testamento vemos Jesus expulsando demônios e trazendo libertação para muitas vidas. Os seus discípulos receberam ordem para que proclamassem o evangelho e expulsassem os demônios, porém, nem sempre conseguiram fazer o mesmo que Jesus fazia: “respondeu-lhe um dentre a multidão: Mestre, eu te trouxe meu filho, que tem um espírito mudo; e este, onde quer que o apanha, convulsiona-o, de modo que ele espuma, range os dentes, e vai definhando; e eu pedi aos teus discípulos que o expulsassem, e não puderam.“ Mc 9: 17-18.

Minha irmã querida, que é crente em Jesus Cristo tem a promessa de Deus que o maligno não a toca.“Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não vive pecando; antes o guarda aquele que nasceu de Deus, e o Maligno não lhe toca” 1Jo 5:18.

Quem nos guarda é Jesus Cristo, o Filho nascido de Deus. Não estamos seguras porque nos agarramos em Jesus, mas estamos seguras porque Jesus é quem nos guarda. Não depende de eu ter forças para me prender a Ele, mas sim dEle me abraçar, me cobrir e me guardar do maligno.

Tudo o que fazemos, seja ministrando a Palavra de Deus, orando por salvação de almas, cura de enfermos, abandono de vícios, libertação do maligno ou mesmo por necessidades espirituais pessoais que tenhamos, precisamos ter a convicção de que não alcançamos nada por meio de esforços, de dedicação, de conhecimento ou por meio de uma ministração poderosa.

Amada, não somos tão capazes assim! Tudo vem do poder de Jesus Cristo. Então, descanse! Tudo é ação poderosa do Senhor e do Espírito Santo agindo por meio de nossas vida. Quando alcançarmos, com sincero coração, esta certeza, então estaremos prontas para que, por meio de nossas vidas, o nome Senhor Jesus e de Deus Pai seja glorificado e atue no que só Ele tem poder para fazer. É relevante manter um relacionamento pessoal de jejum e oração constante e persistente, pois em ocasiões previsíveis ou em situações inesperadas o poder de Jesus será, pelo Espírito Santo, manifesto por meio de nós.

Não subestime o poder de Jesus Cristo. Tenhamos a confiança de que o amor de Deus por você e por mim, amada, é inesgotável. Depois que a maior demonstração deste amor foi feita, que foi dar seu único Filho, Jesus, santo, puro e bom por nossos pecados, o que mais Ele não faria por nós? Por amor, Ele age, protege, livra-nos, esconde-nos debaixo de suas asas onde estamos seguras de todo o mal.

Minha irmã querida diga com confiança: “Direi do Senhor: Ele é o meu refúgio e a minha fortaleza, o meu Deus, em quem confio. Porque ele te livra do laço do passarinho, e da peste perniciosa. Ele te cobre com as suas penas, e debaixo das suas asas encontras refúgio; a sua verdade é escudo e broquel. Não temerás os terrores da noite, nem a seta que voe de dia, nem peste que anda na escuridão, nem mortandade que assole ao meio-dia. Mil poderão cair ao teu lado, e dez mil à tua direita; mas tu não serás atingido. Sl 91:2-7.

*Extraído de Mulher cristã – Lídia Dantas Costa


Leia mais

Qual perfil da mulher cristã hoje?
Mulheres de fé
Carolyn McCulley: Mulher, cristã e bem-sucedida