25.9 C
Vitória
sexta-feira, 17 setembro 2021

Morre TB Joshua, após ministração: “há tempo para todas as coisas”

Pastor era considerado um dos mais influentes líderes da África

O pastor T.B. Joshua, o fundador da Igreja Sinagoga de Todas as Nações (SCOAN), em Lagos, na Nigéria, faleceu uma semana antes de seu 58º aniversário. A causa da morte de Joshua não foi declarada. No país o Profeta T.B., como era conhecido era nacionalmente conhecido, está sendo homenageado desde seu falecimento.

Desde sua ascensão à proeminência no final da década de 1990, o popular pregador era conhecido por sua filantropia, ensinamentos de prosperidade e supostas curas e milagres. O comunicado oficial da congregação não informou o que, de fato, ocorreu com o televangelista.

“No sábado, 5 de junho de 2021, o Profeta TB Joshua falou durante o Emmanuel TV Partners Meeting: ‘Hora de tudo – hora de vir aqui para orar e hora de voltar para casa após o culto “, escreveu TB Joshua Ministries em um post no Facebook.’ Deus levou Seu servo, o profeta TB Joshua, para casa, como deveria ser pela vontade divina. Seus últimos momentos na terra foram passados ​​a serviço de Deus. É para isso que ele nasceu, viveu e morreu.”, informou.

A igreja anunciou a morte do líder no domingo, 6 de junho, afirmando que ele pregou no sábado em um culto transmitido pelo canal Emmanuel TV, mas depois veio a morrer. No culto, segundo informou a igreja, ele chegou a dizer que “há tempo para todas as coisas; tempo de vir e tempo de voltar para casa”.

TB Joshua ficou muito conhecido na África e na América Latina por conta da sua presença nas redes sociais, com pelo menos 3,5 milhões de fãs no Facebook e 1,8 milhão de inscritos na Emmanuel TV no YouTube.

Tributos vêm sendo oferecidos  após o falecimento do famoso pregador. Um comentarista social nigeriano, Japheth Omojuwa, descreveu a morte de Joshua como “uma grande perda para a Nigéria”. Outras homenagens foram feitas nas redes sociais.

“TB Joshua é uma grande perda para a Nigéria e especialmente para a extremidade Ikotun de Lagos. Sua igreja é um dos principais pontos turísticos da Nigéria e não consigo imaginar o impacto de sua morte nos negócios, nas pessoas e em outros lugares. privilegiado nessa área. Que ele descanse em paz “, tweetou Omojuwa na manhã de domingo.

O pastor já atraiu muitos presidentes africanos, políticos e altos funcionários de governo, assim como jogadores e artistas para visitarem sua igreja. Muitos presidentes africanos, altos funcionários do governo, jogadores de futebol, músicos e outras personalidades já estiveram na igreja. Seu ministério foi marcado por milagres, sinais, curas e libertação.

De acordo com a Forbes, Joshua teria investido pelo menos US$ 20 milhões em programas de educação, saúde e reabilitação para ex-militantes do Delta do Níger. TB Joshua deixa sua esposa, Evelyn Joshua, e três filhos.

Com informações CNN Africa

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se