20.9 C
Vitória
segunda-feira, 21 junho 2021

Morre pastor Noi Claus, o ‘mestre dos palhaços’ no Brasil

Fundador do Doutores da Rede, pastor Noi Claus era conhecido por sua alegria contagiante. Deixa seu legado missionário no Brasil

Após 4 anos de luta contra um câncer de pâncreas, pastor Elenor Luis Rickrot de Almeida, conhecido como Noi Claus não resistiu. Fantasiado como “Dr. Bino”, o pastor fundou e coordenou o Doutores em Rede e o Doutores da Graça, com mais de 933 palhaços voluntários em diversos estados do país, além de alguns países da África.

Sua morte foi lamentada nas redes sociais pela liderança evangélica no Brasil. “Para nós além de fundador, foi nosso irmão, amigo, conselheiro, pastor, professor, missionário, nosso exemplo fé”, diz o post do facebook do Doutores da Graça Sul.

Pastor Noi Claus era conhecido por sua alegria contagiante e chamado por alguns como ‘mestre dos palhaços’. E fez disso sua missão de vida. Seu objetivo era levar alegria para os enfermos e compartilhar o Evangelho através dos projetos sociais.

Milagre vivo

Noi chegou a ser classificado como “um milagre vivo”, pois chegou a ter uma perspectiva de vida de 3 a 6 meses quando foi diagnosticado, em 2017, com câncer do tipo agressivo. Mas ele não se abalou, continuou sua missão de levar alegria para hospitais, creches, orfanatos e asilos através da ferramenta do palhaço.

Formado em Teologia pela Universidade Luterana do Brasil, escritor, com formação artística voltada para Arte do Palhaço, líder da Igreja Mover em Viamão, Rio Grande do Sul, o pastor Noi continuou ativo até seus últimos dias de vida. Ele era casado há 15 anos com Cibele Ferrão de Almeida, com quem dividia também seus 13 anos de ministério.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se