27.1 C
Vitória
sexta-feira, 28 janeiro 2022

Música evangélica de luto! Morre a cantora Fabiana Anastácio

Fabiana Anastácio, 45 anos, estava internada em um hospital de São Paulo e teve complicações após contrair covid-19 por ser hipertensa, obesa e diabética

Por Priscilla Cerqueira

A música evangélica está de luto. Morreu na madrugada desta quinta-feira (4), em São Paulo, a cantora Fabiana Anastácio morreu. Ela tinha 45 anos. A artista estava na UTI depois de ter sido diagnosticada com covid-19. A doença evoluiu rapidamente e gerou maiores complicações em Fabiana, que pertencia a alguns grupos de riscos por ser diabética, hipertensa e obesa.

A confirmação da morte foi feita pelo irmão de Fabiana no Instagram. Felipe comentou que ao longo do dia vai dar mais informações a respeito do caso. “Deus decidiu levar, nossa irmã e segunda mãe (Fabiana Anastácio Nascimento) para seus braços”, escreveu.

Luta contra a doença

Fabiane apresentou sintomas graves da doença no fim de maio e foi internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular da capital paulista. Um dia antes da morte, o boletim médico informava que seu quadro de saúde era estável, mas com dificuldade para respirar devido ao peso dela.

No fim de maio, sua família criou uma ação de financiamento coletivo para conseguir bancar as despesas do hospital. “A dor não escolhe cor, nem raça, nem status ou condição… ela simplesmente surge e traz suas consequências”, escreveram os parentes na descrição da campanha de arrecadação.

Trajetória

Fabiana cantava em igrejas desde criança, mas só gravou o primeiro disco em 2012. O álbum “Adorador 1” foi um sucesso no meio gospel. Em 2015 lançou o “Adorador 2”  e continuou a viajar para se apresentar em igrejas e eventos. E não parou mais. Fabiana deixa três filhos e o marido Rubens Nascimento, com quem era casada há 22 anos.

Última música lançada por Fabiana Anastácio: “Deixa comigo”

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se