20.9 C
Vitória
segunda-feira, 21 junho 2021

Ministro da Educação ora antes de reuniões ministeriais

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, ora antes das reuniões ministeriais, pois acredita que seu papel na pasta é mais espiritual do que político

Por Patricia Scott

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, que é pastor presbiteriano, mantém o hábito de orar antes de iniciar as reuniões ministeriais. Na última sexta-feira (4), mais uma vez ele reconheceu a soberania de Deus e pediu que o Senhor orientasse tudo o que fosse falado e feito, para que resultasse no melhor para a nação.

“Usa o talento e o conhecimento, o que cada um tem e foi dado por Ti. Que possamos ter uma reunião produtiva para o bem da nação, para a glória do Teu nome. Oramos e nos lembramos dos brasileiros, e pedimos a Tua graça sobre esta nação, que pertence a Ti”, clamou Ribeiro ao Senhor.

“A oração é sempre bem-vinda em qualquer situação. Até a ciência comprova que a oração gera benefícios. No caso do ministro da Educação, a atitude dele torna a reunião menos tensa. Melhora o ambiente, facilitando a comunicação”, avalia a Pra. Eristelia Bernardo, da Igreja Internacional da Graça de Deus (IIGD) em Santos Dumont (MG). Ela acredita que orar traz bons resultados. “Traz resultados mais eficazes para os trabalhos, que refletirão positivamente na sociedade”.

O ministro, em diversas ocasiões, já frisou que seu papel na pasta da Educação é mais espiritual do que político. “Quero aproveitar as oportunidades que Deus tem me dado. A oportunidade de ter conversas a sós com o presidente da República, de orar por ele, de pedir a Deus direção e sabedoria”.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se