18.8 C
Vitória
sábado, 20 agosto 2022

Novo ministro do STF reforça compromisso com democracia e constituição

Foto: Isac Nóbrega/PR

“Preciso de Ti, meu Deus, ajuda-me a ser justo, pois é uma grande e desafiadora jornada”, declarou o novo ministro do Supremo Tribunal Federal durante culto realizado em Brasília após cerimônia de posse

Por Priscilla Cerqueira e André Richter

Na primeira entrevista após a posse, que aconteceu nesta quinta-feira, 16, o novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), André Mendonça disse que espera contribuir com a Justiça brasileira e com a consolidação da democracia.

“O primeiro compromisso que eu queria dizer a todos, reiterar, na verdade, com a democracia, com os valores da nossa Constituição e, em especial, com a Justiça, enquanto valor e ideal que nós todos buscamos. Espero poder contribuir com a Justiça brasileira, com o Supremo Tribunal Federal e ser, ao longo desses anos, um servidor e um ministro que ajude a consolidar a democracia e esses valores e garantias e direitos que já estão estabelecidos e que vierem a ser estabelecidos no texto da nossa Constituição”, afirmou.

Mendonça também reconheceu a importância da imprensa no processo democrático. “Ao mesmo tempo, meu reconhecimento da importância da imprensa nesse processo. Vocês [jornalistas] são fundamentais para construção do nosso país e para construção da nossa democracia. Contem também sempre com meu respeito e minha defesa irrestrita da liberdade e das prerrogativas do livre exercício dos jornalistas e da imprensa”, disse.

O trabalho do ministro nas sessões da Corte começará efetivamente em fevereiro, quando o Supremo retornará do recesso, que terá início neste fim de semana. Além do plenário, ele atuará na Segunda Turma.

culto posse André
Culto de posse do novo ministro, realizado no Santuário Nacional, em Brasília. Foto: Reprodução

Culto de posse

André Mendonça participou de um culto no Santuário Nacional, em Brasília, ao lado do presidente Jair Bolsonaro (PL) e outras autoridades, depois da cerimônia de posse nesta 5ª feira, 16. Pastores e várias outras lideranças evangélicas do Brasil participaram do culto.

André Mendonça, 46 anos, que é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil, foi advogado geral da União e foi admitido por concurso público.

“Sou grato a Ti, meu Deus, a teu povo que intercedeu por mim. Preciso de Ti, meu Deus, ajuda-me a ser justo, pois é uma longa de desafiadora jornada”, declarou o novo ministro durante discurso na igreja.

Ele esperou 5 meses para assumir a cadeira deixada por Marco Aurélio, que se aposentou em 12 de julho ao completar 75 anos. Foi indicado para a vaga pelo presidente Jair Bolsonaro, mas enfrentou um longo caminho até a sabatina.

“A vitória é do povo de Deus. Foram dias difíceis, de muita oração, entrega e muitas horas de angústia. Só quem conviveu com isso é que sabe. Agradecemos a todos que participaram conosco dessa vitória. Deus continue derramando bênçãos sobre a vida do nosso irmão. Tenha coragem de tomar decisões pelo Senhor. Como jurista, olhe a justiça, a verdade e a bondade”, declarou o Rev. Roberto Brasileiro, presidente da Igreja Presbiteriana do Brasil (IPB).

Confira o culto realizado após a posse

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se