20 C
Vitória
terça-feira, 24 novembro 2020

Melhor do que começar bem é terminar bem aquilo que começou

Mais Artigos

Reservas de Forças: aquela força extra que nos leva muito mais longe

O que trago aqui hoje são cinco fontes de reservas de forças, que nem sempre são mensuráveis, mas são perceptíveis

Biden venceu, e agora?

Estou nos Estados Unidos desde 1986 e nunca vi este país tão dividido, em tantas agendas.

Vacina contra a covid-19: a marca da besta?

Seria a vacina contra covid-19 a marca da besta, um meio de implantar um chip na população mundial para o controle do anticristo?

Inúmeras são as histórias de vida, carreira e relacionamentos que começam e não terminam ou que começam muito bem e terminam muito mal

Por Lulinha Tavares

Já soube de casos de casamentos que, quando o fotógrafo procura o casal para entregar as fotos do casamento – dois ou três meses após – o casal já não está mais junto.

Quantas são as histórias de pessoas que começam muito bem em uma carreira, ou em uma universidade e desistem no meio do caminho. A minha carreira como atleta de futebol foi semelhante a carreira da grande maioria, que começa muito bem e termina muito mal. Eu comecei jogando na base do clube que sonhava jogar: o Flamengo – naquilo que sonhava fazer: jogar futebol. E isso foi insuficiente para que terminasse bem o que comecei.

À duras penas aprendi preciosas lições que serviram para a minha vida e que hoje também contribui para o crescimento de outras pessoas.

Por outro lado, assistimos pessoas que colecionam histórias de sucesso, que, nem sempre começaram tão bem, mas terminaram muito bem e são exemplo e inspiração pra tanta gente. Em 1906, nascia na aldeia de Komyo, na cidade de Hamamatsu, no Japão, Filho mais velho de um ferreiro. Seu nome Soichiro Honda.

De um mal aluno em sala de aula ele se transformou no fundador da que é hoje a Honda Motor Company é um dos maiores impérios da indústria automobilística japonesa, conhecida e respeitada no mundo inteiro.

No futebol temos inúmeras histórias, dentre elas a do português Cristiano Ronaldo, filho caçula de um jardineiro com uma cozinheira que sai da Ilha da Madeira em Portugal para brilhar no cenário mundial do futebol detendo o título de melhor jogador do mundo por cinco vezes.

O que teria essas pessoas em comum e o que podemos aprender com elas?

1 – Constância de propósito:

Saber exatamente aonde quer chegar e se manter firme no seu propósito determina mais o seu futuro do que a sua herança genética. Exemplo: o pai é médico e a mãe advogada, mas o filho quer ser cantor. Nem sempre filho de peixe peixinho é. Saiba o que você quer. Se ainda não sabe o que quer, saiba pelo menos o que não quer.

2 – Conhecer o caminho

No livro: Jesus O Amor Da Minha Vida – de Dee Brestin e Kathy Troccoli aprendi sobre os três tempos do amor: O primeiro amor – O amor no deserto e o amor eterno.

Saber que após viver  primeiro amor, onde nos apaixonamos,  nos entregamos totalmente nesse verdadeiro kairós vem a fase do amor no deserto aonde nos deparamos com a realidade do dia a dia: as contas pra pagar e rotina do lar e etc, pode contribuir para cheguemos a fase do amor eterno e maduro. Afinal para fazer um churrasco necessitamos do fogo, mas é com a brasa que a carne é assada.

No mundo dos negócios é semelhante. As três fases de um empreendimento são: A fase empolgação – a fase da frustração e, por fim a consolidação. Muitas das empresas e empreendedores não terminam bem o que começaram ao desconhecer e não saber lidar com a segunda fase.

3 – Cumprimento de uma missão

Bendito serás ao entrares, e bendito serás ao saíres. (Deuteronômio 28;6)

Um dos sinais de que cumprimos bem a nossa missão é quando somos benditos ao sairmos. O maior patrimônio que você pode deixar por onde você passa é a saudade.

Eu glorifiquei-te na terra, concluindo a obra que me deste a fazer. (João 17:4)

Cristo é o nosso maior e melhor exemplo de alguém que terminou bem aquilo que começou. Alguém para quem o que fazia era mais do que simplesmente alcançar metas e melhorar resultados. Era mais do que um simples trabalho, era uma obra. E que o concluir dessa obra honrava Àquele que o enviou.

Que na sua vida também seja assim!

Independentemente dos obstáculos e adversidades você, esquecendo-se das coisas que ficaram para trás, prossiga para o alvo e que termine bem aquilo que começou.

Siga bem, em paz e feliz.

Lulinha Tavares é coach esportivo, formado em Educação Física, MBA-FGV/FIFA/CIES, especialista em Psicologia do Esporte, empresário, pastor e líder da Igreja Batista da Graça em Queimados (RJ)

- Publicidade -

Comunhão Digital

- Continua após a publicidade -

Fique Por Dentro

Covid-19: Brasil tem maior alta de mortes desde maio

Com o aumento de casos de covid-19 Brasil, pastores brasileiros alertam seus membros para os cuidados redobrados de saúde. Saiba mais!

Miniconferência on-line: “Fé e Ciência para Corpos e Mentes”

Cientistas cristãos brasileiros respondem questões de fé e ciência para corpos e mentes. Tema será abordado na mini Conferência online. Saiba mais!

Ataque a igreja nos EUA deixa dois mortos

Ataque aconteceu na Igreja Batista da Graça, em San José, Califórnia. Não havia culto no momento do ataque, apenas moradores de rua, que estavam abrigados no local. Saiba mais!

Atriz é demitida por se posicionar contra a homossexualidade

Após usar sua página no facebook para escrever seu posicionamento contra a homossexualidade, a atriz cristã foi demitida de uma peça de teatro que participaria como atriz principal. Saiba mais!

Entrevistas

João Mordomo: O desafio de evangelizar e plantar igrejas

Co-fundador da Crossover Global, movimento missionário de plantação de igrejas no mundo, fala do desafio de pregar o evangelho entre os povos não alcançados.

Abby Johnson: “Ninguém está além da graça e do amor de Deus”

Em entrevista exclusiva à Comunhão, a empresária Abby Johnson revela os detalhes que a fizeram deixar uma clínica de aborto para se tornar uma ativista pró-vida nos EUA. Confira!

Paulo Oliveira: Toda crise é boa para quem é pequeno

Como será de agora em diante para a economia, a política e a educação? E onde a Igreja entra nisso? Confira a entrevista com Paulo Oliveira, presidente do Instituto Renovo

Davi Lago e Leonardo Gonçalves: a crise e a oportunidade de fazer diferente

Para Davi Lago e o cantor Leonardo Gonçalves, simplicidade, solidariedade e amor são ingredientes fundamentais para vencer a crise