19.9 C
Vitória
sexta-feira, 18 junho 2021

Médico curado da covid-19: “Tive uma conversa séria com Deus”

O médico intensivista da Santa Casa de Piracicaba (SP) foi curado da covid-19. Ao sair do hospital, se ajoelhou para agradecer à Deus: “Pedi a Deus o tempo todo que me ajudasse a sair dessa situação”, disse o paciente

Em Piracicaba (SP), o médico Moisés Oliveira Lara, que é neurologista intensivista da Santa Casa da cidade se apegou a fé em Deus para vencer a covid-19. Ele recebeu alta na última segunda-feira (06). Ao sair do hospital, sua primeira atitude foi ajoelhar e agradecer a Deus pela crua da doença.

“Percebi que algo estava errado quando fui comer uma fruta e não senti o gosto. Paralelo a isso a dor de cabeça era insuportável. Dor terrível também em todas as partes do corpo, meu fôlego foi ficando curto, minha respiração mudou”, disse ele sobre os sintomas.

Tensão

A tensão e o nervosismo de Moisés foram intensos por já conhecer os passos técnicos. Ele sabia de tudo que estava acontecendo com o seu corpo, o que lhe deixou apavorado.

“Estava com muito medo de não conseguir resistir, já me enxergava indo para a tomografia, para respiração artificial. Via toda a sequência catastrófica que nós tanto aprendemos, estudamos e desenvolvemos no nosso dia a dia. Foram momentos terríveis, por que a parte de conhecimento científico me tornou muito mais frágil, muito mais exposto e isso fez com que só uma coisa conseguisse mudar esse terror que eu estava vivendo e a dificuldade de não respirar, de não ter uma oxigenação adequada: foi acreditar sempre em Deus, acreditar na força do amor, do carinho, dos amigos, das pessoas que gostam de você de verdade”, disse.

Conversa com Deus

Nos dias que se passaram Moisés disse que teve uma “conversa séria” com Deus. E através de sua fé no Senhor vencer a covid-19.

“Pedi a Ele o tempo todo que me ajudasse a sair dessa situação, por que eu queria continuar fazendo o que ele tinha escolhido pra mim, de certa forma, em outros momentos da minha vida, que é trabalhar para o bem e a saúde do próximo. E com fé, minhas súplicas ao Senhor foram atendidas. Me sinto com uma missão ainda mais especial. Vou procurar honrar toda essa bênção, toda essa graça, com muito mais energia, atenção, carinho e com muito mais amor à vida, à Santa Casa, aos pacientes, aos amigos. Tudo, a partir deste episódio ganhou uma nova dimensão em minha vida”, disse ele emocionado.

Após a alta, Moisés agradeceu os médicos e se ajoelhou à frente do hospital para agradecer à Deus. No dia seguinte, o médico havia dito que não sentiu mais nenhuma dor e já se prepara para voltar aos trabalhos no mesmo hospital em que foi internado e curado. “Em breve estarei de volta fazendo o que eu mais amo: cuidar de pessoas”.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se