MEC lança plano para transformação digital

ID_Estudantil
Foto: Reprodução

ProUni e Fies ganham novo formato no portal do governo. A publicação é parte do plano de transformação digital da pasta. Confira!

Nessa segunda-feira (10) o Ministério da Educação (MEC) publicou seu Plano de Dados Abertos para o biênio de 2020 e 2021. Estão disponíveis no Portal Brasileiro de Dados Abertos do governo federal, programas como o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e o Programa Universidade para Todos (ProUni).

A publicação é parte do plano de transformação digital da pasta, de acordo com o MEC. O cronograma da abertura e da atualização das bases de outros dados do MEC, foram divulgadas no documento também.

Até 2021 serão disponibilizados os dados da Plataforma Nilo Peçanha e da ID Estudantil, carteirinha digital e gratuita. Além disso, o plano prevê um cronograma de promoção e fomento ao uso e reúso das bases do ministério.

O novo plano de dados abertos busca promover a cultura dos dados abertos de forma progressiva e sustentada. Logo, para dar mais transparência às informações públicas e facilitar a participação e controle social na educação.

Base de Dados 

A escolha da base de dados segue a lista de informações mais demandadas pela população por meio do Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-SIC) e pelo número de acesso aos programas e serviços do Portal MEC.

Pesquisadores, estudantes e demais cidadãos poderão pedir novos dados em formato aberto por meio de uma consulta pública prevista para ser realizada até o 3º trimestre deste ano. A revisão do Plano de Dados Abertos será feita anualmente ou conforme deliberação do Comitê de Governança Digital do MEC.

*Com informações da Agência Brasil.