Lenda do basquete mundial, Magic Johnson se dedica a igreja

Magic Johnson, 60 anos, é um dos maiores jogadores do mundo de Basquete. Foto: Reprodução/Getty

Depois de deixar o emprego na NBA, Magic Johnson, o eterno lendário do basquete mundial, passou a se dedicar mais a igreja e aos serviços voltados à comunidade.

A lenda do basquete americano, Earvin Magic Johnson, deixou a (NBA) no início deste ano para se dedicar mais em sua igreja, West Angeles Church of God in Christ. E também ajudar pessoas da comunidade em Los Angeles, nos EUA.

Segundo um comunicado à imprensa, Johnson, disse que não estava se sentindo mais feliz, como presidente de operações de basquete do Los Angeles Lakers, por não ter tempo para ajudar aqueles que precisam.

“Parecia atrapalhar sua capacidade de ajudar realmente aqueles que mais precisavam dele. Essa mudança agora o deixa com bastante tempo para explorar as maneiras pelas quais ele pode ser útil à comunidade. Principalmente com o trabalho centralizado em sua igreja”, diz o comunicado.

Fé e chamado

Em um post no Twitter, Magic Johnson também compartilhou que sentiu um chamado de Deus para a obra através de uma mensagem de um bispo em sua igreja.

“Cookie e eu recebemos uma mensagem poderosa do Bispo Visitante Porter sobre o plano de Deus para nós. Temos que trabalhar em direção ao seu plano e ter fé que ele o cumprirá. Tenham um feliz domingo!”, escreveu Johnson.

A esposa de Johnson, Cookie, começou frequentar a igreja de West Angeles, há quase 20 anos. Logo depois, Magic Johnson se juntou a ela. E como resultado, cresceu em sua fé. Em culto na igreja, Johnson, revelou que agora ora mais e se cerca de pessoas de fé.

Sua presença inspirou outras pessoas ao redor do mundo a manter sua fé também. “É realmente uma bênção quando você sabe em que direção está indo”, disse o ex-atleta.

Ajudar pessoas

Johnson recentemente visitou um hospital de Newark, Nova Jersey, que tem uma estufa com plantio de hortaliça que ajuda a promover o bem-estar da comunidade. O que o deixou muito emotivo à ajudar os mais carentes.

É realmente incrível o que o hospital está fazendo pela comunidade, é disso que se trata, estive em todo o país fazendo a mesma coisa, e foi para isso que Deus me chamou para fazer. Eu só quero sair e abençoar outras pessoas, disse Johnson.

Estrela do basquete

Nascido no Michigan, Johnson foi selecionado para jogar pelos Lakers, em 1979, e ganhou cinco campeonatos da National Basketball Association (NBA). Em 1994, ele comprou uma pequena participação do Lakers por US$ 10 milhões.

Em abril deste ano, ele pediu demissão após dois anos como presidente das operações de basquete do Lakers. Eleito melhor armador da história da NBA, pela ESPN, em 2007, Magic Johnson veio a público anunciar que era HIV positivo.

O ano era 1991 e, naquela época, a doença ainda era vista com preconceito e associada ao público LGBT. Entrevistado pelo repórter Marcelo Barreto, em 1995, o armador revelou que seu maior objetivo é ser uma força positiva para as pessoas que têm o vírus.

*Com informações de Faithwire 


leia mais

É tempo de intimidade com Deus
Mick John Louie: transformação após encontro com Deus