21.6 C
Vitória
sexta-feira, 12 agosto 2022

Lula reafirma candidatura à Presidência em carta à Gleisi

Foto: Reprodução Web

Na carta, o ex-presidente reafirma que não cometeu crime e diz que vai manter sua candidatura à Presidência

O ex-presidente Lula, que está preso há mais de um mês em Curitiba (PR), enviou carta à presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), sinalizando que pretende manter a candidatura à Presidência da República na eleição de outubro.

“Se eu aceitar a ideia de não ser candidato, estarei assumindo que cometi um crime. Não cometi nenhum crime. Por isso sou candidato até que a verdade apareça e que a mídia, juízes e procuradores mostrem o crime que cometi ou parem de mentir”, disse o ex-presidente na carta.

Na carta, Lula diz que tem acompanhado debate na imprensa sobre sua candidatura, incluindo a possibilidade de um “Plano B” do PT ou de apoio do partido a outro candidato. Por conta disso decidiu se manifestar sobre o assunto

“Quem quer que eu não seja candidato eu sei, inclusive, as razões políticas, pois são concorrentes. Outros acham que fui condenado em segunda instância, então sou culpado e estou no limbo da Lei da Ficha Suja”.

Lula reitera que é inocente. Segundo ele, admitir um plano B para o PT seria assumir um “crime” que não cometeu. O ex-presidente foi condenado a 12 anos e um mês de reclusão por corrupção e lavagem de dinheiro.


Leia mais

Lula se lança como pré-candidato à presidência e se compara a Jesus
Lula preso!
Lula é condenado por unanimidade e julgamento é encerrado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Comunhão Digital

- Publicidade -

Fique Por Dentro

- Publicidade -

Plugue-se